21.6 C
Vitória
segunda-feira, 15 DE julho DE 2024

Censo agropecuário: 17 mil propriedades rurais no ES serão mapeadas

O censo agropecuário contará com 47 agentes territoriais que farão um diagnóstico das necessidades dos produtores rurais

Por Amanda Amaral

Para realizar um diagnóstico das necessidades dos empreendedores do campo no Espírito Santo, 47 agentes territoriais estão em capacitação para iniciar um censo agropecurário, que prevê alcançar 17 mil propriedades em todo o território capixaba. O objetivo é criar um plano de ações e melhorias.

- Continua após a publicidade -

Chamado projeto “Juntos pela agricultura capixaba”, a iniciativa é do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Espírito Santo (Sebrae/ES), do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-ES), da Federação da Agricultura do Estado do Espírito Santo (Faes) e o Governo do Estado.

Início em janeiro

O diagnóstico acontece de janeiro a maio. A partir do dia 16 deste mês os agentes começam a ir a campo para obter informações precisas e estratégicas do setor produtivo rural dos municípios, segundo os organizadores da ação.

Para o superintendente do Sebrae/ES, Pedro Rigo, essa parceria é essencial e potencializa o alcance do projeto. “Sem nossas parcerias, um trabalho de diagnóstico com essas dimensões não seria possível. Temos muito a agradecer a todos aqueles que estão lá no dia a dia, como, por exemplo, os sindicatos rurais, que sabem os problemas do agricultor e como chegar até eles. Ao lado da Faes, Senar e Governo do Estado vamos aprimorando esse trabalho e teremos outros passos importantes para avançar em direção às melhorias na agricultura”.

Políticas públicas

censo agropecuário
O superintendente do Sebrae/ES, Pedro Rigo, destaca as dimensões do trabalho de diagnóstico que será realizado. Foto: Divulgação/Sebrae-ES

O presidente do sistema Faes/Senar-ES/Sindicatos Rurais, Júlio Rocha, reforça que o novo projeto com o Sebrae/ES vai ao encontro de tudo que essas entidades defendem.

“A Federação é a entidade que representa os produtores rurais capixabas, defendendo os interesses da categoria. Lutamos pelo homem do campo em fóruns de decisões municipais, estaduais ou nacionais que afetam ou influenciam o setor primário. Começar essa parceria com o Sebrae converge com tudo que procuramos oferecer diariamente para essa população, no estudo e soluções dos problemas que se relacionem com nosso segmento”.

Letícia Simões, superintendente do Senar-ES, salienta que ter o Sebrae/ES como parceiro empenhado em diagnosticar as demandas desse público e pautar políticas públicas voltadas para o campo, é muito importante. “O Senar atua, há 30 anos, em busca da formação, qualificação, promoção social e crescimento do produtor rural, suas famílias e colaboradores. Nossas expectativas são de resultados positivos, que levem mais qualidade de vida, segurança, renda e sustentabilidade para a zona rural do nosso estado”.

Planejamento estratégico

O subsecretário da Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) do Espírito Santo, Michel Tesch Simon, durante a abertura da Semana de Capacitação de Agentes Territoriais na sede do Sebrae/ES, disse que o Governo do Estado vai construir um novo planejamento estratégico para a agricultura capixaba e, as informações levantadas pelo projeto “Juntos pela agricultura capixaba” vão orientar esse trabalho.

“Os agentes territoriais vão nos ajudar a planejar as entregas dos programas de acordo com o que a nossa agricultura precisa. Dessa forma eles estão, sem dúvida alguma, participando do planejamento de longo prazo que vamos construir para os próximos anos”, ressalta Simon.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA