21.8 C
Vitória
sexta-feira, 3 julho, 2020

Carros PCD: quem pode comprar?

Leia Também

Mais de 51 mil pessoas confirmadas com o novo coronavírus

De acordo com o “Painel Covid”, administrado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). Destes, 31.980 já estão curados.

Bolsonaro escolhe Renato Feder como novo ministro da Educação

A expectativa é que o anúncio seja feito ainda nesta sexta-feira (3). Saiba mais!Por Jussara Soares e Renata Cafardo (AE)  O presidente Jair Bolsonaro escolheu...

Desigualdades e baixo aprendizado são os maiores desafios na educação

Relatório do Inep aponta desafios para cumprir metas do PNE. Saiba mais! O baixo nível de aprendizado dos alunos, as grandes desigualdades e a trajetória...

Bolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Saiba mais! O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que torna obrigatório o uso de máscaras...

A isenção de carros PCD pode ser aplicada a pessoas que nasceram com algum tipo de deficiência ou que adquiriram deficiências visuais, auditivas e motoras ao longo de suas vidas

A venda de carros para pessoas com deficiência (PcD) nunca foi tão alta. Para esse público que possui comprometimento total ou parcial de sua capacidade de dirigir, possui direito a adquirir um carro de até R$ 70 mil com isenção de impostos federais e estaduais.

Embora o mercado de automóveis ainda esteja se recuperando, a venda de carros para PCD em 2019 foi 30% maior quando comparado a agosto de 2018, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviços de Tecnologia Assistida (Abridef).

Outra exigência é que para adquirir estes veículos, eles devem ser fabricados no Brasil, ou em países do Mercosul, e equipados com câmbio automático ou automatizado. Apesar disso, não há restrição de valores e veículos PCD. Porém, o consumidor terá apenas direito ao desconto do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), caso adquira um automóvel de preço mais alto.

E cada vez mais fabricantes, seguradoras e agências especializadas têm ofertado essas condições aos clientes. A Porto Seguro, por exemplo, já oferece uma modalidade específica para esse público. A empresa explica que, até então, o seguro precisava ser contratado de forma diferenciada, com uma clausula adicional para pessoas com deficiência.

Veículos

O mercado de veículos para pessoas com deficiência tem crescido e ganhado importância dentro das estratégias das montadoras. E quase todas as montadoras agora oferecem um carro ideal e com um preço bom ao cliente.

O desconto só é válido para veículos de passeio, excluindo os utilitários comerciais como picapes ou modelos a diesel. E ele deve ter câmbio automático ou automatizado. A Jeep é uma das que se destacam no meio, com o Renegade sendo considerado o carro do ano para a pessoa com deficiência em 2019.

jeep renegade
O Jeep Renegade foi considerado o carro do ano para a pessoa com deficiência em 2019. – Foto: Divulgação

O ranking é organizado por uma revista voltada ao público com deficiência e em processo de reabilitação. O Renegade ocupa o primeiro lugar, com 17% da preferência dos leitores, acompanhado por Hyndai Creta (15,5%) e Chevrolet Spin (13%) fechando o pódio.

Quem tem direito ao benefício?

Algumas doenças são reconhecidas pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) ao tentar obter a Carteira Nacional de Habilitação Especial. O interessado em garantir a isenção precisa obter um laudo de um médico perito de uma das clínicas credenciadas ao Detran de sua cidade.

Quais documentos são necessários?

O condutor precisa entrar com um pedido na Receita Federal para ter isenção do IPI e IOF, processo que levava até 120 dias. Com o novo sistema implementado pela instituição, pode ficar pronto em somente 72 horas. O pedido pode ser feito pelo site da Receita, por meio do Sisen. Assim, depois de aprovado, a isenção de ambos os impostos federais serão concedidos ao condutor.

As doenças e deficiências válidas para adquirir um veículo PcD:
  • Ausência ou má formação de membro: nanismo, mastectomia, quadrantectomia (retirada de parte da mama), amputação e encurtamento de membros (e familiares).
  • Problemas de coluna (graves ou crônicos): escoliose acentuada, espondilite anquilosante e hérnia de disco (e familiares).
  • Doença que afete braços e ombros: túnel do carpo, bursites, tendinite e manguito do rotador (e familiares).
  • Doença neurológica ou degenerativa: mal de Parkinson, síndrome de Down, AVC, paralisia cerebral, AVE, esclerose múltipla, usuário de talidomida e ostomia (e familiares).
  • Portadores de patologias: diabetes, hepatite C, HIV+, renais crônicos (com fístula), hemofílicos, cânceres, cardiopatia e linfomas (e familiares).
  • Paralisias: triplegia, triparesia, monoplegia, monoparesia, paraplegia, tetraplegia, tetraparesia, hemiplegia (e familiares).
  • Nervos e ossos: artrite, artrose, artrodese, lesões por esforços repetitivos, próteses internas e externas e poliomielite (e familiares).
  • Visual: acuidade visual menor que 20/200 (índice de Snellen) no melhor olho, campo visual menor que 20 graus ou ambos (e familiares).

 

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_177
Continua após publicidade

Fique por dentro

Hoje é o último dia para pedir o auxílio emergencial

Prazo para novos cadastros termina nesta quinta às 23h59. Saiba mais! Para quem ainda não se cadastrou a fim de receber o auxílio emergencial de R$...

Depois de dois meses em queda, produção industrial cresce 7% em maio

Alta é a maior desde junho de 2018 (12,9%), diz IBGE. Confira! A produção industrial brasileira avançou 7% na passagem de abril para maio deste...

Confiança do empresário sobe em junho pelo segundo mês, diz FGV

Índice atingiu 80,4 pontos em escala de zero a 200 pontos. Saiba mais! O Índice de Confiança Empresarial (ICE) medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV)...

Intenção de consumo das famílias tem maior queda em dez anos, diz CNC

Em comparação a junho do ano passado a queda é de 24,1%. Confira! A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), medida pela Confederação Nacional do...

Vida Capixaba

Grandes clássicos apresentados no segundo concerto on-line da Osses

A exibição virtual, que faz parte do projeto “[email protected] Sinfônica In Live”, começará às 20 horas, nas mídias sociais do Projeto Casa Verde.

O clássico tricot retorna à moda com o inverno

Desde que caiu na graça das fashionistas, o tricot ganhou recortes e estampas mais atuais e se consolidou como a peça chave dos looks de inverno nos últimos anos.

Cinema drive-in será aberto a partir desta quinta (02), em Vitória

Tendência nos anos 1960, o Circuito Cine Drive-In, será realizado em um espaço montado no estacionamento da Faculdade Estácio de Sá, em Jardim Camburi, Vitória.

População poderá opinar sobre projeto arquitetônico em Vila Velha

Estão previstas a construção de um centro de apoio aos visitantes com lojas, sede administrativa, salão, banheiros, depósitos, playground, estacionamento, entre outras melhorias.
Continua após publicidade