21.6 C
Vitória
sexta-feira, 24 setembro, 2021

Caixa vai mandar WhatsApp para quem recebe auxílio emergencial

Caixa vai mandar WhatsApp para quem recebe auxílio emergencial. Banco enviará 500 milhões de mensagens gratuitas, mesmo para quem não tem internet

Por Samantha Dias 

Quem tem direito a receber auxílio emergencial do Governo Federal vai receber de graça uma mensagem de WhatsApp com as informações sobre datas de depósito, de pagamento e de saque. A Caixa Econômica Federal e o WhatsApp fecharam parceria, inédita no mundo, para o envio de mensagens sobre o benefício.

O banco enviará 500 milhões de mensagens gratuitas, por uma conta oficial e verificada da Caixa, durante o pagamento das parcelas restantes do benefício. Mesmo quem não tem internet pelo celular, vai receber o aviso.

Receberão os avisos os clientes do auxílio emergencial com celular cadastrado no aplicativo Caixa Tem. O usuário poderá habilitar ou desabilitar o recebimento dos avisos. Serão enviadas mensagens sobre o calendário de crédito na conta poupança digital, o calendário de pagamento ou de saque em dinheiro e demais informações e comunicados.

Segundo presidente do banco, Pedro Guimarães, o uso do WhatsApp para enviar avisos é importante para garantir o acesso à informação a beneficiários muitas vezes sem acesso à internet. Essas pessoas, destacou o presidente da Caixa, não têm condições de entrar no site para tirarem dúvidas e fazerem consultas.

“Muitas das pessoas que vão receber essas mensagens de graça são pessoas mais humildes, que não teriam condições normalmente [de receber os avisos]. A parceria vem de ter o WhatsApp, que é o maior programa de comunicação por celular do mundo e a Caixa, um banco com 146 milhões de contas ativas”, explicou Guimarães.

As mensagens serão enviadas de uma conta oficial da Caixa, verificada no WhatsApp. Os usuários devem ficar atentos pois nunca serão pedidas senhas e informações pessoais.

Com informações da Agência Brasil

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade