24.4 C
Vitória
quarta-feira, 29 maio, 2024

Brasileiros criticam economia, mas estão otimistas

É o que aponta a tradicional pesquisa da Confederação Nacional da Indústria divulgada nesta terça (24). 

Por Cristiano Stefenoni

Pelo menos 53% dos brasileiros acreditam que a economia vai melhorar nos próximos seis meses, aponta pesquisa Retratos da Sociedade Brasileira – Economia e População, realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgada nesta terça-feira (24). Para outros 45%, a situação já melhorou no primeiro semestre.

- Continua após a publicidade -

A expectativa de melhora, portanto, contrasta com a percepção da realidade, já que 38% dos entrevistados afirmam que o momento atual da economia é ruim ou péssimo, enquanto que 22% acha que a situação tende a piorar.

A pesquisa da CNI mostra que essa percepção da população varia de uma região para outra. Enquanto no Nordeste, por exemplo, 32% dizem que a economia está ótima ou boa, no Sul, 43% classificam como ruim ou péssima. Já no Sudeste, 20% veem como ótima ou boa e 39% como ruim ou péssima. Mas de uma forma geral, 45% dos brasileiros acreditam que a situação já foi pior.

Na prática, os brasileiros afirmam que sentiram no bolso o reflexo da inflação, ou seja, para 49% dos entrevistados os preços dos produtos subiram. E para 46%, a tendência é de ainda voltem a aumentar nos próximos seis meses.

A pesquisa CNI ouviu 2.004 pessoas, por meio do Instituto de Pesquisa em Reputação e Imagem (IPRI), com brasileiro acima de 16 anos de idade, nos 27 estados do país, entre os dias 14 e 19 de setembro de 2023.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA