25.9 C
Vitória
sábado, 4 dezembro, 2021

Primeiro-ministro britânico é transferido para UTI

O líder conservador do Reino Unido, Boris Johnson, anunciou em 27 de março que seu teste para a Covid-19 tinha dado positivo

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, 55 anos, foi levado à uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) em um hospital britânico, nesta segunda-feira (06), na qual recebe tratamento para a Covid-19.

Johnson havia sido diagnosticado com coronavírus 10 dias atrás. E foi levado ao hospital St Thomas, em Londres, nesse domingo (05) por causa de “sintomas persistentes” como febre alta.

Hoje, um porta-voz do governo britânico afirmou que ele seria submetido a exames e que esta seria uma medida de precaução recomendada pelos médicos, já que os sintomas da doença têm continuado dez dias após osresultados positivos para o vírus.

“O primeiro-ministro pediu ao secretário de Relações Exteriores Dominic Raab, que é o primeiro secretário de Estado, que o substitua sempre que necessário. O primeiro-ministro está recebendo excelente atendimento e agradece a todos os funcionários do NHS por seu trabalho e dedicação”, diz o documento.

Entenda

Após o príncipe Charles ter apresentado o novo coronavírus (Sars-Cov-2), foi a vez do primeiro-ministro do Reino Unido, Boris johnson, testar positivo para a Covid-19. O anúncio foi feito pelo premiê-britânico em sua mídia social no dia 27 de março.

Segundo a publicação, os sintomas eram leves, mas ele avisou que se isolaria, mas que continuaria trabalhando para minimizar os impactos da doença no país. Ainda assim, ele recomenda que toda a população, não só a local, mas também a mundial, fique em casa.

De acordo com a mídia britânica, os sintomas de Johnson começaram no dia 26 de março e outros ministros poderão se isolar, por terem tido contato com ele.

*Da redação, com informações da BBC.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade