Startup do mundo pet faz sucesso entre os amantes dos animais

Foto: Reprodução

Compras no shopping virtual podem ser feitas pelo site ou aplicativo do celular

Pensando nos donos de animais que compõem esta estatística, e que, provavelmente, já passaram por apuros ao ver uma ração ou um medicamento acabar, em horários complicados de sair para buscar outro. O empreendedor Marcelo Bondezan criou uma solução para auxiliar os criadores de filhotes em suas rotinas diárias.

Atendendo inicialmente ao mercado da Grande São Paulo, o aplicativo Market Place é voltado exclusivamente para os pets. Trabalhando com multimarcas, o shopping virtual oferece linha completa de produtos, como comidas, remédios, brinquedos, roupas e acessórios.

Com toda comodidade e agilidade, é possível selecionar o pet que você tem (cãozinho, gatinho etc.), escolher o produto e receber em casa no prazo máximo de três horas. E o melhor: o sistema compara os preços do mesmo produto em diversas lojas na região da sua casa, e você escolhe aquela que oferecer o menor valor.

Foto: Divulgação

Marcelo Bondezan lembra que a sua loja virtual tem uma logística bem estruturada, contando no momento com 150 lojas credenciadas “O aplicativo Beagle é inovador, porque entende que criar um pet é divertido, mas exige seriedade. Se acabou, por exemplo, a ração, o animal precisa que o mesmo modelo seja reposto a tempo da próxima refeição. É tão fácil como pedir uma pizza”, explicou.

Acessando o site www.aplicativobeagle.com.br ou baixando o aplicativo, em três cliques o cliente tem à disposição uma grande variedade de produtos. A plataforma conta hoje com mais de 1.200 itens pets cadastrados.

Ao trabalhar com o estoque de diversas lojas, o sistema praticamente elimina o risco de não encontrar o produto desejado, diferentemente do que pode ocorrer em lojas físicas.  “Há uma infinidade de produtos, mas ninguém precisa fazer pesquisas. Assim como um cãozinho Beagle, o aplicativo farejará as melhores ofertas”, brincou.

Mercado Pet

De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), o faturamento do setor pet no Brasil em 2016 aumentou 4,9%, fechando em R$ 18,9 bilhões. Em 2015, o montante foi de R$ 18 bilhões.

Segundo a Abinpet, os números colocam o país na terceira colocação do ranking mundial, atrás apenas de Estados Unidos (com 42% do faturamento) e Reino Unido (6,7% do faturamento). As projeções apontam que o faturamento mundial do mercado pet em 2016 chegou a US$ 104,1 bilhões.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 130 milhões de animais de estimação vivem nos lares brasileiros, muitos deles recebendo tratamento especial, como verdadeiros membros da família.

 

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome