Governo do ES inaugura mais uma escola no município de Itapemirim

Foto: Divulgação/ Sedu

A unidade escolar agora conta com uma nova estrutura para atender os estudantes da região

Nesta segunda-feira (28), o governador Paulo Hartung inaugurou a Escola Estadual Graúna, localizada no município de Itapemirim. A unidade escolar agora conta com uma nova estrutura para atender os estudantes da região. Na oportunidade, também foi realizada a assinatura do termo de adesão do município ao Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes).

A Escola Estadual Graúna, atende 275 estudantes do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental. A unidade é composta por cinco salas de aula, laboratório de informática, quadra poliesportiva, vestiário, secretaria, refeitório, pátio coberto e descoberto e estacionamento. O investimento para a construção da nova unidade escolar foi de R$ 5.376.109,72.

Durante a solenidade de inauguração, os estudantes preparam apresentações especiais: a dança carimbó e uma roda de samba. Comunidade local e autoridades marcaram presença e prestigiaram o evento.

Hartung comemorou a inauguração da escola e disse que a iniciativa do pacto é bem sucedida e foi buscada no Ceará. “Nós capixabas, vamos utilizar essa experiência que colocou 70 escolas cearenses no ranking das 100 melhores do país. Esse pacto é para melhorar o ensino infantil e avançar nos fundamentos iniciais da educação em regime de colaboração. É o Estado e município em parceria forte pela educação”, afirmou o governador.

Foto: Divulgação/ Sedu

Para o prefeito de Itapemirim, Thiago Peçanha Lopes, “em um momento de crise como temos vivido, o Espírito Santo sai na frente inaugurando escolas e propondo ações como o Paes. O governador tem valorizado o nosso município e, como prefeito em exercício, tenho orgulho de fazer parte da equipe e colaborar com o desenvolvimento da educação”.

Já o diretor Bruno Sobrosa Duarte, destacou a importância da inauguração da escola Graúna. “O evento foi de suma importância para comunidade que nunca mais vai esquecer. É um presente ter um patrimônio como esse que irá enriquecer a aprendizagem dos estudantes e melhorar nossos resultados. Agora temos uma escola completa”, comentou orgulhoso da conquista.

Pacto pela Aprendizagem no ES

Com adesão dos municípios ao Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes), envolvendo a união de esforços entre o Governo do Estado, as prefeituras, a sociedade civil e a iniciativa privada, ações serão desenvolvidas focadas nas salas de aula, que resultem em avanços significativos de aprendizagem dos estudantes do ensino fundamental.

Até o momento, 29 municípios do Estado já assinaram a união ao Paes: Águia Branca, Alegre, Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Castelo, Colatina, Conceição da Barra, Conceição do Castelo, Divino São Lourenço, Domingos Martins, Ibatiba, Ibiraçu, Irupi, Itapemirim, Iúna, Jerônimo Monteiro, João Neiva, Marechal Floriano, Marilândia, Mimoso do Sul, Muqui, Pedro Canário, Rio Bananal, Santa Leopoldina, São Gabriel da Palha, São Roque do Canaã, Vargem Alta e Venda Nova do Imigrante. O secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha, está indo em todos os municípios pra formalizar a assinatura do termo de adesão com os prefeitos.

Além disso, mais 36 já demostraram interesse em fazer parte do Paes: Afonso Cláudio, Alfredo Chaves, Alto Rio Novo, Anchieta, Apiacá, Atílio Vivácqua, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Boa Esperança, Bom Jesus do Norte, Brejetuba, Ecoporanga, Fundão, Governador Lindemberg, Guaçuí, Guarapari, Ibitirama, Iconha, Itaguaçu, Itarana, Jaguaré, Linhares, Marataízes, Montanha, Muniz Freire, Nova Venécia, Pancas, Presidente Kennedy, Rio Novo do Sul, Santa Teresa, São Domingos do Norte, São José do Calçado, São Mateus, Serra, Sooretama e Vila Pavão.

As principais metas do Pacto são que 100% dos municípios façam a adesão até o final de 2018 e que as metas do Plano Estadual de Educação também sejam alcançadas.

O Pacto está estruturado em três áreas de atuação: Apoio à Gestão – que envolve a instituição formal do Pacto e a estrutura necessária para o seu funcionamento; o Fortalecimento da Aprendizagem – que se relaciona à padronização de currículo e material didático no ensino fundamental, formação de professores e gestores escolares, monitoramento/avaliação da aprendizagem, estímulo e valorização da produção literária local e leitura dos estudantes e incentivos à melhoria de resultados nas redes de ensino; e também a Infraestrutura e Suporte – que propõe estratégias para suprir demanda por educação infantil e organização das redes visando à otimização de recursos e potencialização de resultados.

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome