Interessados na CNH Social, cadastro segue até hoje (15)

Os contemplados poderão fazer o processo para primeira habilitação ou para adição (Fotografia - Fernanda Neves)

Serão duas etapas. Nessa primeira serão contemplados 2.500 candidatos

O programa CNH Social está com o período de inscrições abertas até a próxima quarta-feira (15). O objetivo da estratégia é possibilitar que as pessoas de baixa renda obtenham a primeira habilitação nas categorias A (moto) ou B (carro); e para aqueles que já são habilitados, a adição de categoria A ou B e a mudança de categoria D (van, micro-ônibus, ônibus) ou E (caminhão e carreta). Serão ofertadas cinco mil vagas neste ano, divididas em duas etapas.

O candidato que desejar garantir uma vaga no programa precisa já estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, com os dados atualizados até o dia 15 de fevereiro de 2019. Além disso, a pessoa necessita ser maior de 18 anos, morar no Estado e ter renda familiar de até dois salários mínimos. Nesta edição do programa, serão reservadas 5% (cinco por cento) das inscrições para as pessoas com deficiência.

A primeira etapa disponibiliza 2.500 vagas e as inscrições devem ser feitas exclusivamente no site www.detran.es.gov.br de hoje até as 23h59 do dia 15 de maio. A 2ª etapa, com mais 2.500 CNHs, será realizada em setembro deste ano.

O governador Renato Casagrande e o diretor geral do Detran|ES, Givaldo Vieira, apresentam o novo formato, com ampliação no número de vagas, nos requisitos e na forma de participação no programa no dia do lançamento, feito no dia 6 de maio

O CNH Social foi criado em 2011, na primeira gestão do governador Renato Casagrande, e oferece carteiras de motorista gratuitamente a pessoas de baixa renda, residentes no Espírito Santo. A iniciativa tem o objetivo principal de formar, qualificar e habilitar profissionalmente condutores de veículos com vistas ao ingresso no mercado de trabalho.

Conteúdo Publicitário