20.6 C
Vitória
sábado, 19 junho, 2021

Nelson Sargento, um dos maiores nomes do samba, morre aos 96 anos

Lenda do samba, Nelson Sargento morreu, aos 96 anos, nesta quinta-feira (27). O sambista estava internado desde o dia 21 de maio no Instituto Nacional de Câncer, após testar positivo para covid-19.

Por Munik Vieira

Sargento foi vacinado contra a covid-19 no dia 31 de janeiro, quando a Prefeitura do Rio de Janeiro deu início à campanha de vacinação para a terceira idade.

O sambista deixa a mulher, Evonete Belizario Mattos, e os seis filhos biológicos (Fernando, José Geraldo, Marcos, Léo, Ricardo e Ronaldo), além de Rosemere, Rosemar e Rosana, que adotou.

Nelson Sargento fazia tratamento para um câncer desde 2005, quando descobriu um tumor na próstata. No dia 26 de fevereiro, o artista havia recebido a segunda dose da vacina contra o novo coronavírus.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade