18.3 C
Vitória
segunda-feira, 4 julho, 2022

Influenza: nova variante H3N2 predomina no ES

Funcionária do Lacen/ES trabalhando com amostra. Foto: Divulgação/Asscom

Mortos pela gripe causada pelo vírus Influenza tinham idade superior a 40 anos. Sete moravam na Grande Vitória

Por Wesley Ribeiro 

A variante H3N2 do vírus Influenza é predominante na epidemia de gripe no Espírito Santo. Das 17.859 amostras de casos suspeitos de síndrome gripal analisadas, 840 foram confirmadas para Influenza A, com positividade de 4,7%. No estado, oito pessoas vieram a óbito pela gripe.

Os dados foram divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) na tarde desta terça-feira, 4 de janeiro. O documento explica que “os exames analisados pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Espírito Santo (Lacen/ES) tem indicado a predominância da Influenza A (subtipo H3N2).”

Diz ainda que “das 17.859 amostras de casos suspeitos de síndrome gripal analisadas neste ano, entre as Semanas Epidemiológicas (SE) 01 e 52, 840 foram confirmadas para Influenza A, com uma positividade de 4,7% das amostras.”

esbrasil_lacen
Prédio do Laboratório Central do Estado. Foto: Divulgação/Asscom

A Sesa informou também que, até o momento, aguarda resultados de sequenciamentos genéticos de amostras que foram encaminhados à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Em relação aos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por Influenza, há a confirmação de 55 casos e 08 óbitos – 04 deles foram confirmados na SE 49; 02 na SE 51; e 02 na SE 52. Os dados são do Sistema de Informação de Vigilância Epidemiológica da Gripe (SIVEP-Gripe).

A Sesa informou ainda que aguarda o pleno restabelecimento do sistema de notificação do Ministério da Saúde para ter o balanço completo sobre a Influenza no estado.

Perfis dos óbitos por SRAG – Influenza:

1 acima de 90 anos de idade
2 de 80 a 89 anos
3 de 70 a 79 anos
1 de 40 a 49 anos
1 de 60 a 70 anos
4 residentes em Cariacica
2 em Vitória
1 na Serra e
1 em Cachoeiro de Itapemirim

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade