21.9 C
Vitória
domingo, 28 novembro, 2021

Impactos da pandemia no turismo capixaba

Estudo Economia do Turismo avaliou os impactos da pandemia nas atividades turísticas no 1º trimestre de 2021

Por Samantha Dias 

O Instituto Jones dos Santos Neves, em parceria com a Secretaria de Estado do Turismo (SETUR-ES) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (FAPES), divulgou um estudo sobre os impactos da pandemia de Covid-19 no turismo capixaba, para monitorar informações das atividades econômicas, geração da renda, número de postos de trabalho, remuneração média dos trabalhadores, entre outros indicadores ligados ao turismo para o contexto capixaba.

O estudo compara o 1º trimestre de 2021 com períodos do ano passado, antes e durante a pandemia. O volume das atividades turísticas nos municípios capixabas de janeiro a março 2021 ficou 1,6% acima em relação ao 4º trimestre de 2020; principalmente por causa de janeiro e fevereiro, já que em março teve início outro período de quarentena no estado.

Em relação ao 1º trimestre de 2020, quando ainda não havia impactos da pandemia no turismo capixaba, o volume das atividades turísticas apresentou variação negativa de 14,6%, e no acumulado em 4 trimestres em relação aos 4 trimestres imediatamente anteriores, a queda verificada é de 35,8%.

Na comparação com os demais estados, verifica-se que todos registraram queda na comparação interanual, com o Espírito Santo apresentando o 2º menor recuo no volume das atividades turísticas no 1º trimestre de 2021 (-14,6%).

Falando de receitas, nos três primeiros meses deste ano, em relação ao trimestre anterior, foi constatada queda de 3,3%. Na comparação interanual (1º trimestre 2021/1º trimestre 2020) a receita diminuiu 18,2%; e no acumulado em 4 trimestres, -39,7% de receita.

O estudo também apontou o número de pessoas empregadas no turismo no período – 137 mil pessoas no 1º trimestre de 2021 – número que representa redução de 41 mil pessoas em relação ao começo de 2020. Os setores de alimentação e transporte concentram 90% dos ocupados nas atividades de turismo.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade