21 C
Vitória
sábado, 20 DE julho DE 2024

“ESB Indica” traz de disco de Paul McCartney a romance de mistério

ES Brasil e colaborador trouxeram dicas como o álbum  inédito da banda Wings, com músicas gravadas em 1974 e mais

Por Mariah Friedrich

A ES Brasil reuniu dicas de disco, livro e filme para os leitores do portal ficarem por dentro dos lançamentos do momento. Além disso, o oceanógrafo do Instituto baleia Jubarte, Paulo Rodrigues, compartilhou um sugestão do que tem lido. Confira a seguir:

- Continua após a publicidade -

Wings/Paul McCartney – One Hand Clapping

Após décadas de arquivamento, o álbum “One Hand Clapping”, de Paul McCartney com a banda Wings, formada pelo ex-Beatle em 1971, oferece 26 faixas gravadas no Abbey Road Studios em 1974, trazendo a a energia criativa e a versatilidade musical que definia o projeto, em uma seleção que traz desde sucessos recentes até músicas experimentais, medleys improvisados e covers ecléticos.

Ouça abaixo o disco na íntegra:

Benjamin Stevenson – Todo mundo da minha família já matou alguém

O romance de mistério “Todo mundo da minha família já matou alguém” narra as aventuras dos Cunningham, uma família aparentemente comum, mas com segredos sombrios e um passado violento. A história se desenrola quando os protagonistas, após passarem três anos afastados, decidem se reunir em um resort nas montanhas para resolver suas diferenças e esclarecer velhas tensões.

Com personagens marcantes, incluindo uma tia obsessiva por organização, um padrasto inoportuno, uma irmã sarcástica, uma matriarca dominadora e um irmão envolto em controvérsias, a reunião familiar logo se complica quando um cadáver é descoberto. Dado o histórico dos membros da família, a suspeita rapidamente recai sobre um deles, levando a uma investigação cheia de reviravoltas e revelações.

O livro foi aclamado como um dos melhores mistérios de 2022 pelo The Sunday Times e já está em processo de adaptação para uma minissérie na HBO. Disponível na Amazon por R$ 35,64 (Kindle) ou R$39,99 (físico), na Amazon.

A Origem – Christopher Nolan

No thriller psicológico “A Origem, o cineasta Christopher Nolan retrata um mundo onde a tecnologia permite acessas os sonhos de outras pessoas. O protagonista Dom Cobb (Leonardo DiCaprio) é um habilidoso “extrator” que invade mentes adormecidas para extrair segredos valiosos e passa a ser perseguido por corporações.

Ele busca um último trabalho antes de se aposentar, no entanto, sua nova missão não é roubar, mas implantar uma ideia no subconsciente de um herdeiro corporativo (Cillian Murphy), desafiando as profundezas da mente humana em um labirinto de realidades alternativas. O filme está disponível no catálogo da plataforma Max.

Confira o trailer a seguir:

Dica do Colaborador

"ESB Indica" traz de disco de Paul McCartney a romance de mistério
Paulo Rodrigues, oceanógrafo do Instituto Baleia Jubarte – Foto: Acervo pessoal

Leviatã – Eric Jay Dolin
O oceanógrafo do Instituto baleia Jubarte, Paulo Rodrigues indica o livro Leviatã, de Eric Jay Dolin, que conta a história da caça das baleias nos Estados Unidos e o desenvolvimento econômico gerado na época.

“O livro narra fatos históricos e a importância da atividade para as colônias americanas frente aos países matriarcais. Entretanto, um recurso finito que quase levou a extinção de várias espécies, consequentemente o colapso da atividade”, compartilha Paulo Rodrigues. 

"ESB Indica" traz de disco de Paul McCartney a romance de mistério
Leviathan, de Eric Jay Dolin – Foto: Divulgação

Para ele, a leitura de Leviatã leva a pensar sobre a importância de preservar a vida desses animais e implementar as atividades de conservação. “Como o avistamento turístico das baleias, que gera empregos e renda para milhares de pessoas no mundo de forma mais sustentável”, exemplifica o oceanógrafo. O livro está disponível por R$ 54,35 (Kindle) ou R$57,21 (físico), na Amazon.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

FIQUE POR DENTRO

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -