24.7 C
Vitória
terça-feira, 22 setembro, 2020

Distribuição de máscaras a estudantes da rede estadual do Amazonas gera polêmica

Leia Também

CPF na inscrição da Chamada Pública Escolar

É obrigatório! A obrigatoriedade de registro do número do Cadastro Nacional de Pessoas Físicas (CPF) do estudante, junto com o CPF de seu responsável,...

TRE-ES fará audiência pública entre candidatos a prefeito de Vitória para combater fake news

A juíza Gisele Souza de Oliveira, responsável pela fiscalização da propaganda das eleições em Vitória, será a coordenadora da audiência pública que será realizada...

Próximas semanas com aumento no número de casos de Covid-19 no ES

O secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes fez essa afirmação nesta segunda-feira (21) em uma rede social. O que diz a publicação “Nas próximas semanas teremos...

A compra foi firmada no dia 4 entre Secretaria de Estado de Educação e Desporto do Amazonas (Seduc-AM) com a empresa Nilcatex Têxtil Ltda, sediada no Mato Grosso do Sul

Por Álisson Castro, especial para O Estado (AE)

A compra de máscaras para estudantes da rede estadual do Amazonas pelo governo do Estado vem gerando polêmica. Isso porque muitos dos equipamentos de proteção são grandes demais ou não se encaixam de forma adequada no rosto dos jovens. O governo do Estado prevê a aquisição de quase 1 milhão de máscaras, a um custo de R$ 2,3 milhões.

O item chegou a virar ‘meme’ nesta semana em redes sociais e gerou críticas de especialistas. O professor aposentado do curso de Medicina da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Mena Barreto França, afirma que o uso errado das máscaras pelos estudantes gera risco de contaminação pelo novo coronavírus. “A máscara não é adequada para a face dos alunos, por isso, ela é manuseada todo tempo para ficar ajustada. Sem contar que os estudantes não são orientados a usar corretamente e ficam pegando na parte da frente. É justamente nesta área que se acumula o vírus”, explicou França.

O estudante Marcos Renan Gomes Martins, de 18 anos, é aluno do 3º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Francisco das Chagas Souza de Albuquerque, no Centro de Manaus, uma das unidades de ensino que receberam as máscaras. Ele conta que nem usou o equipamento. “Não tem condições, eu prefiro usar a máscara que trago de casa. Alguns de meus colegas usaram e dizem que atrapalha na aula porque fica toda hora caindo”, afirmou.

Segundo a professora Sara dos Santos Araújo, que leciona na Escola Estadual Hilda Tribuzy, na zona norte da capital, professores também receberam os itens de segurança. “Quando os professores começam a falar, a máscara começa a cair. É impossível ficar quase quatro horas com esta máscara. É um risco para professores e alunos”, afirma.

Alba Pessoa, de 55 anos, professora Escola Estadual Francisco das Chagas Souza de Albuquerque, disse que não voltou à escola por receio de contrair o novo coronavírus. “As salas de aulas não estão marcadas, fator que favorece a aglomeração dos estudantes. Já tive informação de estudantes que não usam as máscaras fora da escola. O risco é muito grande”, disse.

A compra foi firmada no dia 4 entre Secretaria de Estado de Educação e Desporto do Amazonas (Seduc-AM) com a empresa Nilcatex Têxtil Ltda, sediada no Mato Grosso do Sul. Segundo o governo, as máscaras foram adquiridas por meio de Licitação Pública Nacional (LPN) tendo como fonte recursos do Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID), com participação no processo licitatório de empresas de todo País.

Procurada pela reportagem, a Seduc-AM informou que adquiriu um milhão de máscaras em tamanhos P, M e G, que estão sendo distribuídas entre os estudantes e servidores da rede pública estadual. “Em relação aos estudantes que receberam máscaras de tamanho superior, os itens podem ser trocados a partir da próxima segunda-feira, 17, na unidade de ensino”.

Na manhã desta quinta-feira, 13, a Seduc-AM informou que até a tarde de quarta-feira, 12, tinha a confirmação de testes positivos para a covid-19 entre “quatro membros da comunidade escolar em diferentes unidades de ensino”, sem citar se foram casos registrados em professores ou alunos.

Em nota, a secretaria afirma que, em todos os casos confirmados, “tem tomado as devidas providências, previstas nos protocolos de saúde da rede pública estadual de ensino aprovados pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM)”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

CPF na inscrição da Chamada Pública Escolar

É obrigatório! A obrigatoriedade de registro do número do Cadastro Nacional de Pessoas Físicas (CPF) do estudante, junto com o CPF de seu responsável,...

Aras se diz contra pedido da prefeitura do RJ para volta às aulas na rede privada

De acordo com o procurador-geral, o deferimento dos pedidos de suspensão de segurança, de liminar e de tutela provisória tem caráter excepcional

Doria diz ter plano estadual alternativo à vacinação contra covid-19

O governador porém ressalvou: "tenho certeza que Ministério da Saúde não caminhará, não trilhará um caminho ideológico, partidário e eleitoral"

Doria lança programa para capacitação de motofretista

O governador paulista disse que o programa será financiado com recursos de multas aplicadas pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP)

São Paulo registra 937 mil casos confirmados e 33.984 óbitos pela covid-19

O Estado registrou entre domingo (20) e os últimos sete dias variação positiva dos casos confirmados de 17,8% e dos óbitos de 7,4%,

Anda move ação cautelar para pedir que governo acabe com queimadas no Pantanal

Em meio à polêmicas, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse na semana passada que o Brasil "está de parabéns" na questão ambiental

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Valor Bruto da Produção Agropecuária deve ser recorde de R$ 823 bi, diz CNA

Outros fatores que podem influenciar o indicador do setor são o aumento de 4,3% na produção, a alta de 18,7% nos preços

OCDE melhora perspectiva para economia mundial e para o Brasil em 2020

A economia global parece estar se recuperando do baque provocado pelo novo coronavírus mais rápido do que se imaginava há apenas alguns meses graças...

Guedes diz que ‘cartão vermelho’ de Bolsonaro não foi direcionado a ele

O ministro lembrou que, desde início, o presidente disse que não queria consolidar programas sociais para criar o Renda Brasil, e que foi uma decisão política

Ainda acreditamos que é possível acoplar IVA federal com estadual, diz Guedes

O ministro ainda disse que é natural que os Estados façam esse movimento, com o maior peso de serviços na economia, mas "não podem espremer os municípios."

Vida Capixaba

Curso herdeiro ou sucessor?

Como os membros da próxima geração são desenvolvidos na empresa da sua família? Quando falamos em sucessão familiar, é preciso considerar três fatores fundamentais,...

Governo divulga novo imageamento da cobertura florestal do Espírito Santo

No dia em que se comemora o Dia da Árvore, o Governo do Estado, através da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama) e...

Governo do Estado quer reformar e utilizar antiga sede do Saldanha da Gama

Reformar a construção para sediar a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), que atualmente funciona em salas de um...

Circuito Cultural homenageia as crianças em outubro

A 12ª edição do evento, que acontece em formato virtual, já atingiu público de mais de 8 mil pessoas Outubro é o mês das crianças...
Continua após publicidade