29.9 C
Vitória
segunda-feira, 24 junho, 2024

Casagrande visita Departamento de Polícia de Nova Iorque

Governador Renato Casagrande realizou visita técnica na sede das forças de segurança de Nova Iorque

Por Robson Maia

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, visitou, na manhã desta quinta-feira (16), o Departamento de Polícia de Nova Iorque (NYPD, da sigla em inglês). O gestor segue cumprindo agenda em solo norte-americano com compromissos ligados à apresentação de potencialidades do estado para investidores, além de experiências técnicas.

- Continua após a publicidade -

Casagrande esteve no Centro Integrado de Operações Conjuntas e conheceu a forma de trabalho integrado, bem como as tecnologias usadas pelo maior departamento de polícia dos Estados Unidos. A agenda foi articulada pelo secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Eugênio Ricas, que foi adido da Polícia Federal nos EUA.

O governador destacou o bom desempenho da polícia nova iorquina e analisou programas sociais e de segurança desenvolvidos no Espírito Santo.

“Depois do 11 de setembro, a Polícia de Nova York intensificou a integração e o uso da tecnologia. É muito bom conhecer como trabalha a polícia em uma cidade que recebe visitantes de todo o mundo. Fazendo essa visita, pudemos constatar que o Programa Estado Presente em Defesa da Vida está no caminho certo, já que após o 11/9 a Polícia trabalha de forma integrada com os demais níveis de segurança, inclusive tem um canal aberto para falar com o presidente imediatamente, sem intermediários”, contou.

O governador capixaba também acertou a possibilidade de um Acordo de Cooperação entre a Polícia de Nova York e o Governo do Espírito Santo para a troca de experiências, informações e treinamentos. Para que isso ocorra, o Governo do Estado terá que realizar o pedido de acordo por meio da Polícia Federal do Brasil.

Em relação ao uso da tecnologia pela Polícia de Nova Iorque, a cidade conta com 70 mil câmeras públicas e privadas, que são acessadas quando algum crime é cometido. Todos os policiais usam câmeras corporais que precisam ser ativadas, obrigatoriamente, ao saírem das viaturas. Todos os policiais são monitorados em tempo real, além disso, as viaturas também são monitoradas, permitindo saber quem são os policiais que estão dentro delas. Um relatório ainda é produzido sobre as últimas 48 horas do veículo.

“Com o uso da tecnologia, as nossas forças de segurança no Espírito Santo têm conquistado bons números na redução da criminalidade. O ponto alto da tecnologia que vimos aqui em Nova Iorque são as câmeras de monitoramento que ajudam a desvendar os crimes, assim como fazemos por meio do Estado Presente. Conhecemos novas tecnologias nessa visita e vamos fazer essa cooperação para que possamos trazer novidades para nosso Estado e também apresentar algumas das nossas ações de sucesso no Espírito Santo”, apontou o gestor capixaba.

Entre as semelhanças do Programa Estado Presente, desenvolvido no Espírito Santo, e a Polícia de Nova Iorque, está a integração das várias forças de segurança, sejam elas municipais, estaduais ou federais, além de outros órgãos, como o Poder Judiciário.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA