23.3 C
Vitória
terça-feira, 16 abril, 2024

Artemis III: revelado protótipo de traje para missão lunar

Na missão Artemis III, a Axiom fornecerá os trajes espaciais por meio de um contrato de US$ 228,5 milhões

Mais flexível e resistente. O protótipo do novo traje espacial que a tripulação da missão Artemis III usará na superfície lunar foi apresentado nesta quarta-feira, 15, com melhorias significativas em relação aos usados no programa Apollo.

Prevista para até o final de 2025, a missão Artemis III incluirá a primeira mulher a pisar na Lua. A tripulação deve chegar ao pólo sul do satélite, onde poderão ser registradas temperaturas “extremas” e condições ambientais “hostis”, vestida em trajes do século 21 projetados e fabricados pela empresa Axiom Space. “Esses novos trajes têm mais recursos e capacidades”, disse Vanessa Wyche, diretora do Centro Espacial Johnson da Nasa, a agência espacial americana, durante a apresentação das roupas confeccionadas pela empresa privada com sede no Texas (EUA).

- Continua após a publicidade -

Por sua vez, Lara Kearney, do Programa de Atividade Extraveicular e Mobilidade Humana da Nasa, disse que, embora o protótipo apresentado nesta quarta-feira seja preto, a ideia é que na missão o traje seja branco, por questões térmicas e para permitir mais movimento aos astronautas.

Historicamente, lembrou Lara, a Nasa fabrica e é proprietária das roupas espaciais usadas nas missões, mas, no caso da Artemis III, a Axiom fornecerá os trajes por meio de um contrato de US$ 228,5 milhões. A vestimenta ainda passará por testes de segurança no Centro Espacial Johnson.

O presidente da Axiom Space, Michael Suffredini, destacou que as ações são resultado de uma aliança estratégica entre a empresa privada e a experiência da Nasa. “Continuamos o legado da Nasa em projetar um traje espacial avançado que permitirá aos astronautas operar com segurança e eficácia na Lua”, disse Suffredini em um comunicado, prometendo que o traje Artemis III “estará pronto para enfrentar os desafios complexos do polo sul lunar” e ajudar no objetivo de “uma presença de longo prazo lá”. “Nosso trabalho abrirá oportunidades para mais pessoas explorarem e realizarem ciência na superfície lunar e é uma prova da inovação americana”, disse Bill Nelson, administrador da Nasa, em uma mensagem em rede social.

“Luvas são uma parte crítica do design”, disse Russell Ralston, vice-diretor da divisão de Atividade Extraveicular da Axiom Space, durante uma demonstração do protótipo usado por um engenheiro da empresa.

Ralston explicou que os engenheiros passaram um tempo considerável projetando as luvas e que, graças às tecnologias inovadoras, com elas será possível manusear uma variedade maior de ferramentas. O desenvolvimento de camadas de isolamento no traje espacial, incluindo luvas e botas, também mereceu um esforço especial. A figurinista Esther Marquis, da série For All Mankind (AppleTV+), participou da confecção do calçado espacial.

Artemis III: revelado protótipo de traje para missão lunar
O capacete possui um conjunto de luzes e uma câmera de alta definição – Foto: Divulgação/Axiom Space

Composto por “muitas camadas”, o traje Axiom possui uma abertura traseira, além de maior número de articulações nas pernas e braços que proporcionam maior flexibilidade em relação aos trajes utilizados há 50 anos durante as missões do programa Apollo.

O capacete possui um conjunto de luzes e uma câmera de vídeo de alta definição, enquanto o sistema de suporte à vida, onde o oxigênio é armazenado, ficará localizado nas costas dos astronautas. O traje ostenta um compêndio de inovações tecnológicas que, no entanto, não conseguiu excluir um elemento incontornável para os astronautas que os usam: as fraldas.

A Nasa busca estabelecer uma presença permanente na Lua por meio do programa Artemis, cuja primeira missão retornou à Terra em 11 de dezembro após 25 dias de viagem, período durante o qual a espaçonave não tripulada Orion circunavegou a Lua. A agência espacial norte-americana prevê enviar Artemis II em novembro de 2024, missão que seguirá o mesmo percurso da antecessora, mas com tripulação.

Com informações de Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA