22.6 C
Vitória
quinta-feira, 2 julho, 2020

Com anúncio de R$ 10 bi em investimentos, anuário do petróleo no ES é lançado

Leia Também

Grandes clássicos apresentados no segundo concerto on-line da Osses

A exibição virtual, que faz parte do projeto “[email protected] Sinfônica In Live”, começará às 20 horas, nas mídias sociais do Projeto Casa Verde.

Alunos surdos da Serra terão acesso aos estudos pela internet em Libras

O VLibras, um conjunto de ferramentas computacionais de código aberto que traduz conteúdos digitais para a Libras, tornando os conteúdos acessíveis para os alunos da educação especial.

Especialista avalia mercado financeiro em tempo de pandemia

O grau de incertezas é muito alto, por isso os investidores correm para mercados mais atrativos e as bolsas de valores passam por oscilações.

Hoje é o último dia para pedir o auxílio emergencial

Prazo para novos cadastros termina nesta quinta às 23h59. Saiba mais! Para quem ainda não se cadastrou a fim de receber o auxílio emergencial de R$...

A publicação foi organizada pelo Sistema Findes e divulgada junto com a garantia de recursos da Petrobras para o Estado

Uma nova publicação sobre uma das maiores forças da economia capixaba. O primeiro Anuário da Indústria de Petróleo no Espírito Santo foi lançado na manhã desta segunda-feira (2), no Palácio Anchieta, em Vitória. A publicação reúne dados e análises sobre a exploração e produção de petróleo no Estado até o ano de 2016.

Durante o lançamento, o presidente da Petrobras, Pedro Parente, anunciou o investimento de R$ 10 bilhões nos próximos cinco anos no Estado. A maior parte será aplicada no projeto da plataforma integrada do Parque das Baleias, no Litoral Sul capixaba.

Além disso, o governador Paulo Hartung anunciou também a criação, junto à BR Distribuidora, de uma empresa pública de distribuição de gás no Espírito Santo. Na ocasião, ele sancionou o projeto de lei que permite incentivos fiscais para o setor de petróleo e gás, o Repetro.

Indústria do petróleo em números

O Anuário foi elaborado pela equipe do Instituto de Desenvolvimento Industrial do Espírito Santo (Ideies), ligado à Findes. Para o diretor-executivo da instituição, Marcelo Saintive, a publicação auxiliará as empresas na definição dos planos de negócios.

Segundo ele, após 2010, o segmento de petróleo torna-se o mais importante do setor industrial capixaba, respondendo por 28% de tudo o que é produzido. O Estado é o segundo maior do produtor do Brasil, tendo gerado 144,2 milhões de barris de petróleo em 2016 e 137,8 milhões em 2017. A produção offshore cresceu quase 62% ao ano, colocando o Espírito Santo como protagonista no País.

“O anuário é um resgate da Federação para os empresários e industriais se posicionarem em relação à economia capixaba. A publicação apresenta um mapa analítico com dados e informações sobre as oportunidades e os desafios mais relevantes do setor”, avalia Saintive. Para ele, o lançamento é uma maneira de atrair investimentos para o Estado.

“É muito mais do que um compilado de números, porque assume a tarefa de examinar o segmento em minúcias, qualificando o debate neste momento crucial da economia brasileira. Se queremos pensar a indústria do futuro, precisamos cada vez mais de análises aprofundadas do setor, expondo suas forças e fraquezas”, declarou Léo de Castro.

Investimentos

Nos seus discursos, tanto o presidente da Petrobras quanto o presidente da Shell Brasil, André Araújo, anunciaram o aumento de investimentos em pesquisa do setor no Estado.

Pedro Parente, da Petrobras, também revelou que, em julho deste ano, chega ao Espírito Santo um grupo de 700 funcionários. Eles passarão a atuar no Estado na administração de ativos da empresa.

Para o presidente da Findes, o setor de petróleo e gás no Espírito Santo é grande responsável pela transformação econômica. Ele comparou o momento pelo qual passamos, há 15 anos, com o Estado afundado em dívidas e refém do crime organizado. “Nem o mais otimista poderia imaginar que seríamos hoje referência em equilíbrio fiscal, segurança jurídica e desenvolvimento socioeconômico. É preciso reconhecer que a produção de petróleo e gás nos deu fôlego para superar a crise e trazer novos investimentos”, declarou.

 

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_177
Continua após publicidade

Fique por dentro

Depois de dois meses em queda, produção industrial cresce 7% em maio

Alta é a maior desde junho de 2018 (12,9%), diz IBGE. Confira! A produção industrial brasileira avançou 7% na passagem de abril para maio deste...

Confiança do empresário sobe em junho pelo segundo mês, diz FGV

Índice atingiu 80,4 pontos em escala de zero a 200 pontos. Saiba mais! O Índice de Confiança Empresarial (ICE) medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV)...

Intenção de consumo das famílias tem maior queda em dez anos, diz CNC

Em comparação a junho do ano passado a queda é de 24,1%. Confira! A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), medida pela Confederação Nacional do...

Cinco passos para conquistar prosperidade

As pessoas só querem prosperidade ou estão trabalhando para serem prósperos?

Vida Capixaba

O clássico tricot retorna à moda com o inverno

Desde que caiu na graça das fashionistas, o tricot ganhou recortes e estampas mais atuais e se consolidou como a peça chave dos looks de inverno nos últimos anos.

Cinema drive-in será aberto a partir desta quinta (02), em Vitória

Tendência nos anos 1960, o Circuito Cine Drive-In, será realizado em um espaço montado no estacionamento da Faculdade Estácio de Sá, em Jardim Camburi, Vitória.

População poderá opinar sobre projeto arquitetônico em Vila Velha

Estão previstas a construção de um centro de apoio aos visitantes com lojas, sede administrativa, salão, banheiros, depósitos, playground, estacionamento, entre outras melhorias.

Raul Seixas será próxima atração do Diversão em Cena

O espetáculo “Raulzito Beleza: Raul Seixas para Crianças” será apresentado neste domingo (28), às 16 horas, nas mídias sociais do projeto.
Continua após publicidade