22.7 C
Vitória
sábado, 2 julho, 2022

Na volta das férias, também é importante fazer a revisão dos veículos

Mais Artigos

Na volta das férias é tempo de fazer revisão automotiva em uma oficina credenciada pelo fabricante do veículo para retornar ao uso regular do veículo sem surpresas

Por Leulittanna Eller Inoch 

É o que orienta Marcelo Marques, Head de pós-vendas da Kurumá. “A revisão de volta de férias é altamente recomendável. É interessante retornar às regulagens usadas antes das férias, pois a partir de agora, o carro voltará a circular com menos passageiros e menos carga. A calibragem dos pneus, por exemplo, pode necessitar de adaptações para o uso regular”, pondera.

Marques afirma que, em se tratando de pneus, é conveniente observar como andou o desgaste depois de muitos quilômetros rodados. “Uma vez que consumo irregular pode indicar problemas no alinhamento, observar esses componentes com atenção é de bastante relevância para que o carro retorne ao uso ordinário com segurança”, orienta.

O condutor também deve ficar atento à quilometragem rodada. Dependendo da extensão, o carro pode ter rompido o limite para troca de algum item ou realização de manutenção preventiva como troca de óleo do motor, do fluido de freio ou outros componentes.

Confira na lista os itens que devem passar pela revisão após as férias:

Alinhamento: os longos trechos percorridos, inclusive em vias que podem apresentar irregularidades, podem prejudicar as condições dos pneus, rodas e suspensão. Também vale checar amortecedores, molas, entre outros.

Freios: a revisão pós-férias deve conferir o estado das pastilhas, sapatas, discos, tambores e do fluido de freio.

Escapamento: buracos, pedras e cascalho podem levar a estragos no escapamento. Um problema que parece secundário pode trazer dores de cabeça com a falha na exaustão de gases poluentes, afetando velas e o sistema de arrefecimento do motor, sistema de ar e combustível.

Bateria: é importante verificar se continua tudo bem com esse componente após a viagem, conferindo a validade e estado do produto para evitar futuras paradas por pane elétrica.

Óleo do motor: caso tenha sido realizada a troca antes da viagem, uma simples conferência do nível do óleo de motor ajuda a identificar possíveis problemas.

Itens de segurança: viagens longas podem trazer desgastes às palhetas dos limpadores dos vidros e aos faróis, por isso é preciso fazer a checagem numa oficina.

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba