24.9 C
Vitória
quarta-feira, 1 dezembro, 2021

NBA: de cuspe à pipoca, volta aos ginásios é marcada por confusão

Após período de pandemia do novo coronavírus nos Estados Unidos, o país liberou a volta de torcedores aos ginásios da NBA, que foi marcada por muitas confusões com jogadores.

Por Munik Vieira

Diversos torcedores de diferentes equipes vêm apresentando comportamento lamentável, sobretudo contra jogadores, resultando em afastamentos e até banimentos dos estádios. Esses incidentes já foram registrados nos ginásios do Philadelphia 76ers, do Utah Jazz e do New York Knicks.

Na Filadélfia, a direção do Philadelphia 76ers emitiu um comunicado anunciando o banimento oficial do torcedor que atirou pipocas em Russell Westbrook, do Washington Wizards, de todos os jogos em casa da equipe imediatamente. Durante a segunda vitória do time da casa na série de playoff da Conferência Leste, Westbrook estava indo para o vestiário após ter sentido dores no tornozelo quando alguém na arquibancada atirou algumas pipocas em sua direção. Em seguida, o armador precisou ser contido para não ir de encontro aos espectadores.

No mesmo jogo, Bradley Beal, outro astro dos Wizards, relatou uma experiência inusitada. O jogador revelou que um torcedor que estava sentado perto de seus filhos disse algo “louco” para ele. “Parte de mim queria ir até lá e dizer: ‘Com quem você está falando? Sou um homem adulto. Mas eu não posso fazer isso”, contou o atleta, sem entrar em detalhes sobre o que realmente foi dito. Ele apenas considerou o incidente como “nojento”.

Utah Jazz

Outro caso aconteceu com o Utah Jazz. A franquia anunciou o banimento de três torcedores por ações inadequadas nas arquibancadas durante a vitória da equipe sobre o Memphis Grizzlies, no jogo 2 da série, na última quarta-feira (26).

De acordo com relatos, esses três torcedores teriam discutido e xingado a família de Ja Morant, astro dos Grizzlies, que estava presente no jogo.

News York Knicks

Outra equipe também anunciou proibições e sanções contra um torcedor. O New York Knicks decidiu banir do ginásio Madison Square Garden, em Nova York, um fã que cuspiu no armador Trae Young, do Atlanta Hawks, durante o jogo 2 da série, também realizado na última quarta-feira (26).

A franquia de Nova York divulgou um comunicado pedindo desculpas a Trae Young e aos Hawks e confirmando o banimento do torcedor.

Confira o momento do “cuspe”

Comunidado oficial da NBA

A NBA divulgou um comunicado na quinta-feira sobre o código de conduta da liga nos playoffs. “O retorno de mais fãs da NBA às nossas arenas trouxe grande empolgação e energia para o início dos playoffs, mas é fundamental que todos mostremos respeito para jogadores, dirigentes e outros torcedores. O código de conduta de torcedor será aplicado com vigor para garantir um ambiente seguro e respeitoso para todos os envolvidos”, informou.

Com informações da Agência Estadão

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade