28.2 C
Vitória
domingo, 29 março, 2020

Presidente da Argentina fala sobre Bolsonaro e acordo com UE

Leia Também

PRF recebe doações de alimentos e kits de higiene para caminhoneiros

A ideia da campanha Siga em Frente, Caminhoneiro é minimizar os efeitos da situação causada pelo novo coronavírus e possibilitar condições de trabalho.

Com famílias em isolamento, saiba como evitar acidentes domésticos

Em situação de isolamento, aumentam as chances de acidentes domésticos ocorrerem, principalmente com crianças e idosos, em ambiente físicos.

Estado anuncia apoio de R$ 300 milhões para manutenção de empregos

Medidas contemplam abertura de linhas de crédito e prorrogação de taxas estaduais por 90 dias como ICMS do Simples Nacional.

Chega a 111 mortos e quase 4 mil casos de covid-19 no Brasil

Balanço deste sábado (28) acrescentou 22 mortes e 487 casos confirmados ao total anterior. Governo vai proibir entrada de estrangeiros no país durante 30...

Nos últimos dois anos, o processo da aliança Mercosul-União Europeia ganhou fôlego

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, afirmou nesta segunda-feira (03) que, antes da Cúpula do G20, que foi realizada no último fim de semana, o presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro, disse a ele que quer avançar nas negociações entre o Mercosul e a União Europeia.

“Falei antes de começar o G20 com o meu novo colega Jair Bolsonaro e ele me confirmou que quer avançar neste acordo, mas precisa ver como está e tomar a sua posição”, declarou o líder argentino em entrevista coletiva, em Buenos Aires, convocada para analisar os resultados da reunião.

A UE e o Mercosul negociam um acordo baseado em três pilares – diálogo político, cooperação e livre-comércio – há quase duas décadas. Nos últimos dois anos, o processo ganhou fôlego e várias são as vozes que consideravam que a assinatura definitiva esteja próxima.

No entanto, além das já alongadas negociações e das dúvidas sobre qual será a postura de Bolsonaro sobre o Mercosul quando assumir o cargo, em 1º de janeiro, surgiram as reservas expressadas no sábado pelo presidente francês, Emmanuel Macron. Ele advertiu, em Buenos Aires, que o seu país “não aceitará acordos” com países que não respeitem o Acordo de Paris, em referência a Bolsonaro, que na campanha eleitoral mostrou discordância com esse texto sobre a mudança climática, do qual Macron é um dos seus maiores defensores.

Macri antecipou hoje que deve conversar com Bolsonaro nos próximos meses e debater o tema e anunciou que no próximo dia 10 acontecerá uma nova reunião técnica entre a UE e o Mercosul, quando deve acontecer algum “avanço”.

“Claramente é um acordo muito demorado. Há mais de 20 anos que esta negociação existe”, afirmou.

O presidente argentino disse que todos os líderes concordaram que este acordo é uma grande oportunidade para todos e que ele que já falou com nomes como Angela Merkel (Alemanha), o próprio Macron, Pedro Sánchez (Espanha) e Giuseppe Conte (Itália).

“Infelizmente todas estas demoras fizeram com que haja uma nova autoridade, embora ainda não tenha assumido, no Brasil”, refletiu.

Entre as 17 reuniões bilaterais que aconteceram no fim de semana, de forma paralela à cúpula, esteve o encontro de Macri com a primeira-ministra britânica, Theresa May.

“Sabemos que o Reino Unido está se separando da Europa e isso também abre oportunidade de gerar convênios de troca específicos com o Mercosul e eles também estão abertos”, disse.

*Da redação com informações da Agência Efe

Publicidade

ES Brasil Digital

ES Brasil 174
Continua após publicidade

Fique por dentro

Consumo de internet aumenta 25% durante isolamento social

Por conta do isolamento social, o consumo de internet aumentou consideravelmente durante o mês de março no mundo inteiro, inclusive no Brasil e no Espírito Santo.

Governo anuncia medidas econômicas contra impactos da covid-19

Nesta sexta-feira (27), o presidente da República e representantes das proincipais instituições financeiras do país anunciaram linha de crédito emergencial.

PIB capixaba fica estável no último trimestre de 2019

Comércio foi o que puxou o PIB no quarto trimestre de 2019, setores de informática e veículos tiverm maior alta. Indústria apresentou retração.

Inflação oficial registra taxa de 0,02% na prévia de março

Índice que mede a prévia da inflação oficial, ficou em 0,02% em março deste ano. Este é o menor resultado para o IPCA-15 desde o início de 1994.

Vida Capixaba

Festival promove apresentações de artistas nas mídias sociais

O Festival Fico em Casa, uma ideia que permite ao internauta a contemplar apresentações de nomes do rock, indie, samba, funk, MPB e muito mais.

Saiba como fica o tempo neste fim de semana!

De acordo com o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), o fim de semana será de tempo bom no Espírito Santo.

Xô, coronavírus: “Dia de Cantoria” vai levar música para quarentena

O Dia de Cantoria é um projeto de musicalização infantil nas mídias sociais. É uma iniciativa idealizada por 4 amigos com experiência em musicalização

Cursos online gratuitos durante o isolamento social. Veja!

A Universidade Vila Velha (UVV) preparou dez cursos rápidos, online e gratuitos, para auxiliar o aprendizado de quem quer se manter qualificado
Continua após publicidade