18.8 C
Vitória
quinta-feira, 17 junho, 2021

Jogadores da seleção não querem disputar a Copa América

Após uma semana de silêncio na seleção brasileira, o técnico Tite concedeu entrevista coletiva nessa quinta-feira (03).

O treinador evitou falar sobre a realização da Copa América no Brasil, prometendo que daria sua opinião sobre o assunto no futuro, mas revelou que os atletas pediram uma conversa com a comissão técnica e o presidente da CBF, Rogério Caboclo, sobre o tema.

O Brasil irá receber a Copa América após as desistências dos dois países-sede: a Colômbia anunciou primeiro que deixaria de receber os jogos, por conta de protestos massivos e violentos; na Argentina, a razão foi o crescimento da pandemia de covid-19. Poucas horas após a Conmebol revelar que a Argentina também havia abandonado a ideia, o Brasil foi escolhido como nova sede, apesar de também viver um momento ruim no enfrentamento ao coronavírus.

Jogadores têm opinião formada

“Temos uma opinião muito clara e fomos lealmente, numa sequência cronológica, eu e Juninho, externando ao presidente qual a nossa opinião. Os jogadores solicitaram uma conversa direta ao presidente. Foi uma conversa muito clara, direta. A partir daí, a posição dos atletas também ficou clara. Temos uma posição, mas não vamos externar isso agora. Temos uma prioridade agora de jogar bem e ganhar o jogo contra o Equador. Entendemos que depois dessa Data Fifa, as situações vão ficar claras”, previu o treinador da seleção.

Perguntado se os atletas que jogam na Europa pediram para não jogar a Copa América, o técnico voltou a dizer que a resposta virá no futuro. “Eles têm uma opinião, externaram ao presidente, e vão externá-la ao público em um momento oportuno. Inclusive, isso tem a ver com a ausência do nosso capitão, Casemiro, aqui nessa entrevista”, disse, antes de voltar a pedir que a cabeça dos jogadores esteja no jogo com o Equador.

Com informações da Agência Estadão

- Publicidade -

Matérias relacionadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade