24.4 C
Vitória
quinta-feira, 27 janeiro, 2022

Iema abre 8 vagas para Programa de Voluntariado no Parque Estadual de Itaúnas

Os interessados deverão fazer a sua inscrição no site do Iema. O resultado está previsto para o dia 2 de dezembro

Por Mariana Ferreira

O Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) está com inscrições abertas para o Programa de Voluntariado em Unidades de Conservação (PVUC). Ao todo, são oito vagas para trabalhar no Parque Estadual de Itaúnas, em Conceição da Barra. O voluntário apoia as unidades de conservação por um período, com atividades que envolvem o atendimento ao público, comunicação, educação ambiental e proteção.

As vagas serão divididas em duas turmas de quatro voluntários: uma irá atuar de 13 de dezembro de 2021 a 21 de janeiro de 2022 e, a outra de 22 de janeiro a 3 de março de 2022. A carga horária é de 30 horas semanais, com previsão de atividades nos fins de semana. Alguns trabalhos poderão ser realizados em campo, com caminhadas de 2 a 4 quilômetros.

Os interessados deverão acessar o formulário de inscrição disponível no site http://iema.es.gov.br/pvuc-programa-de-voluntariado-em-unidades-de-conservacao, preenchê-lo e enviá-lo com o currículo para o email [email protected], com o assunto “Inscrição Parque de Itaúnas – Turma I” ou “Inscrição Parque de Itaúnas – Turma II”. O resultado está previsto para o dia 2 de dezembro.

Para participar o candidato precisa ter acima de 18 anos com alguma experiência em atendimento ao público, sensibilização ambiental, aplicação de questionários, tabulação de dados e geração de gráficos em Excel, além de serviços manuais em geral ou em comunicação social.

Os voluntários receberão transporte saindo de Vitória, São Mateus ou Conceição da Barra até o Parque. Além de alojamento com roupa de cama em quarto coletivo, com banheiros masculino e feminino na sede do parque, cozinha com equipamentos e utensílios para o preparo das refeições, e empréstimos de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), quando for necessário.

Aliás, os voluntários vão ganhar também uma capacitação sobre a unidade de conservação e atividades que serão realizadas. Devido à pandemia da Covid-19, os voluntários deverão seguir todos os protocolos de saúde, como o uso de máscaras, higienização das mães, manter distância e não compartilhar os objetos.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade