21.9 C
Vitória
segunda-feira, 21 junho, 2021

Covid-19: queda de casos no ES está consolidada, afirma secretário

O secretário de Saúde do Espírito Santo, Nésio Fernandes, e o subsecretário de vigilância em saúde, Luiz Carlos Reblin, atualizaram, em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira (26), a situação do combate à pandemia do novo coronavírus no Estado.

Segundo o secretário, o Espírito Santo consolidou a tendência de queda de casos de covid. “Mantemos uma redução substancial no número de pacientes novos e de internações. Mantemos a tendência de queda na ocupação das UTIs e nas de enfermaria próxima a 60%. Há uma franca redução da covid-19 no Espírito Santo”, afirma Nésio.

Volta às aulas

Nésio: “É possível que em maio o ES alcance uma taxa de ocupação de UTI inferior a 80%. Ao alcançar essa taxa, o Estado deverá apresentar majoritariamente uma quantidade de municípios no risco moderado e baixo. Sendo assim, as atividades educacionais devem voltar na maioria dos municípios”.

Vacinação para professores

Nésio: “Ao total, iremos disponibilizar cerca de 16 mil doses da AstraZeneca para começar a vacinação dos professores no Estado”.

Falta de doses para segunda dose da Coronavac

Luiz Carlos Reblin: “Não recebemos a quantidade necessária da segunda dose. Mas não há problema aguardar um prazo um pouco maior que o previsto. No começo de maio, o Governo Federal garantiu que a situação estará normalizada.

Vacinação de pessoas com comorbidades

Nésio: “Ao longo desta semana, diversos municípios já terão concluído a vacinação dos idosos com a primeira dose. Dessa forma, estarão autorizados a iniciar o grupo de comorbidades. A Sesa aguarda a resolução até a quarta-feira”.

Sem registro de reações graves na vacinação

Luiz Carlos Reblin: “Os registros que nós temos são reações leves, em grande maioria, como dor no local da injeção e febre. Isso é aceitável em qualquer vacina. Não temos histórico de reação grave no Estado”.

Abertura de mais 150 leitos de UTI

Nésio: “Neste final de semana, o governador acompanhou o recebimento de 230 novos ventiladores, que serão utilizados para a abertura de 150 letos de UTI”.

Pandemia ainda não acabou

Nésio: “Nós temos uma melhora no comportamento da curva de casos e do contexto de transmissão. Estamos hoje colhendo os frutos do resultado da quarentena. Mas a pandemnia ainda não acabou”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade