Contarato e Do Val revelaram como se prepararam para Senado

Fabiano Contarato e Marcos Do Val responderão como os novos senadores pelo Espírito Santo (Fotografia - Renato Cabrini)

Em seus primeiros mandatos, os novos representantes do Espírito Santo no Senado disseram como se prepararam para o novo desafio

Na próxima sexta-feira (1), às 15h, os senadores eleitos em 2018 tomarão posse no Plenário do Senado. Pelo Espírito Santo, Fabiano Contarato (Rede) e Marcos Do Val (PPS) começarão suas jornadas como representantes do Estado pelos próximos oito anos, ambos em seus primeiros mandatos na carreira política-partidária.

Entre o resultado das urnas e o início dos trabalhos, os políticos dedicaram-se a missão de qualificação para o novo desafio, sabendo da responsabilidade em atender às expectativas que a população capixaba depositou neles. Nomes tradicionais do cenário político que estavam concorrendo a reeleição, Magno Malta (PR) e Ricardo Ferraço (PSDB) foram preteridos no pleito em nome de uma renovação tão desejada pela população.

Contarato contou que fez o curso de Gestão Estratégica para Mandatos Legislativos do Instituto de Ensino e Pesquisa de São Paulo (Insper). A agenda do novo parlamentar também foi agitada em relação a articulação entre seu partido e legendas como PDT, PPS e PSB para criação de uma frente. “Estamos organizando o Bloco Independente e queremos mais transparência e distribuição de poderes da presidência do Senado e da mesa diretora”, revelou.

“No contexto dessa eleição [da mesa diretora que é realizado logo após a posse], manifestei-me contra o voto secreto para presidente. Consegui, também, montar meu gabinete, por meio de seleção pública com mais de 3,2 mil inscritos. Como prometi, contratei o mínimo de assessores. Gabinete enxuto e de alto desempenho. Assim, estamos prontos para a posse. Vamos honrar a confiança do povo do Espírito Santo”, explicitou.

Já Do Val disse ter feito uma verdadeira imersão política no período pós-eleitoral. “Deixei de lado minhas atribuições anteriores e me dediquei integralmente a conhecer o Senado, sendo um dos poucos parlamentares a participar do seminário oferecido pela casa para novos eleitos”, pontuou.

Assim como Contarato, o socialista também participou de muitas agendas políticas para delinear os principais assuntos do mandato. “Junto com aliados, sentamos para definir uma equipe séria e competente, adequada ao perfil do mandato que exercerei. Realizei planejamento estratégico e me sinto bem assessorado e preparado para representar os capixabas no Senado Federal”, destacou.

Cada Estado elege três representantes para o Senado Federal. Junto a Contarato e Do Val, Rose de Freitas (MDB) ocupa uma das cadeiras desde 2015.

Conteúdo Publicitário