21 C
Vitória
segunda-feira, 22 DE julho DE 2024

Conab: plantio de soja da safra 2023/24 atinge 94,6% da área

Quantidade de área semeada representa um atraso de 2,1% quando comparado ao mesmo período em 2022

O plantio da safra brasileira de soja 2023/24 atingia 94,6% da área estimada no País até o sábado passado, dia 16, informou a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em levantamento semanal de progresso de safra. O desempenho corresponde a um avanço de 4,7 pontos percentuais ante uma semana atrás.

Há atraso, contudo, de 2,1 pontos porcentuais em relação ao mesmo período do ano passado, quando 96,7% da área estava semeada. São Paulo e Paraná concluíram o plantio da oleaginosa, enquanto Mato Grosso e Mato Grosso do Sul estavam em 99,6%. O Estado mais atrasado era o Maranhão, com 54% concluído.

- Continua após a publicidade -

Milho

Já o plantio de milho verão do ciclo 2023/24 alcançava 73,5% da área estimada para o Brasil até o sábado, segundo a Conab, 8,8 pontos porcentuais atrás do reportado no período equivalente da temporada anterior.

Os trabalhos avançaram 7,6 pontos porcentuais ante a última semana.

A implantação das lavouras terminou em São Paulo, Paraná e Santa Catarina. No Rio Grande do Sul, ela estava em 86%.

Trigo

A colheita de trigo do ciclo 2023 foi concluída, com avanço de 0,1 ponto porcentual ante a semana anterior. No período equivalente de 2022, o Brasil havia colhido 99,4% do cereal.

O único Estado que não teve o plantio em toda a área prevista foi Santa Catarina, com 99,4% semeada.

Feijão

A Conab informou, ainda, que o plantio das lavouras de feijão da safra 2023/24 alcançou 55%, avanço de 3,2 pontos porcentuais na semana, mas 15,8 pontos porcentuais atrás de igual período do ano passado. Paraná, um dos maiores produtores do cereal, São Paulo e Goiás já terminaram o plantio.

Arroz

A semeadura das lavouras de arroz 2023/24 está 1,1 ponto porcentual atrasada na comparação entre as safras, alcançando 85% da área prevista no País no último sábado, avanço de 2,8 pontos porcentuais em uma semana.

Santa Catarina concluiu o plantio do cereal, enquanto o Rio Grande do Sul, responsável por 70% da produção do País, tem 93% da área cultivada. Com informações de Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA