22.9 C
Vitória
domingo, 29 novembro, 2020

49 declaração racistas foram feitas por autoridades do País

Leia Também

Hemoes Vitória fechará mais cedo neste domingo (29)

Os capixabas que quiserem fazer doação de sangue deve ficar atentos ao funcionamento do Hemoes, que terá horário especial

Protocolos sanitários continuam valendo para o 2º turno das Eleições 2020

Eleitores de 57 cidades voltam às urnas neste domingo (29) para escolher seus prefeitos no segundo turno das Eleições Municipais de 2020.

Eleitor que não votou no primeiro turno pode e deve votar no segundo

O eleitor que não votou no primeiro turno das Eleições Municipais de 2020 pode e deve votar no segundo turno.

“A imunidade seria para outro fim, mas as autoridades a usam para proferir suas práticas de racismo”, comentou Givania Maria da Silva

Por Marcio Dolzan (AE)

Um estudo inédito feito pela Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq) e pela organização Terra de Direitos mostra que desde o início do ano passado o País registrou pelo menos 49 casos de discursos racistas proferidos por autoridades públicas. Desse total, 12 partiram do presidente Jair Bolsonaro.

O levantamento considerou o período a partir de 1º de janeiro do ano passado até o dia 6 deste mês. Do total de 49 casos identificados, 20 resultaram em abertura de algum tipo de apuração, seja por inquérito policial, ação ou procedimento administrativo. Até o momento, contudo, nenhum dos autores foi responsabilizado. E muitos dos casos foram arquivados.

“Nós estamos cansados de pedir providências às autoridades e elas rebaterem que isso se trata de liberdade de expressão”, comentou Givania Maria da Silva, que integra a Conaq. “Essas autoridades têm imunidade do cargo, e nosso levantamento mostra que estão usando isso. A imunidade seria para outro fim, mas as autoridades a usam para proferir suas práticas de racismo.”

Entre os registros, 12 partiram do presidente Jair Bolsonaro e outros 12 de deputados estaduais. Chefes de autarquias, de secretarias ou de outros órgãos de governo (11 casos), deputados federais (6), vereadores (5) e membros do sistema de Justiça (3) completam a lista.

Nos discursos racistas proferidos por autoridades públicas foram mapeados cinco tipos principais: reforço de estereótipos racistas; incitação à restrição de direitos; promoção da supremacia branca; negação do racismo; e justificação ou negação da escravidão e do genocídio.

Para Givania, “o discurso do presidente encoraja os racistas”. Ela alertou ainda que os crimes mapeados partem de pessoas que, no fim das contas, exercem seus cargos às custas da população. “(O racismo) é sustentado e fomentado pelas instituições públicas, que, por sua vez, são bancadas por nossos impostos.”

Estadão pediu posicionamento à Secretaria de Imprensa da Presidência da República e ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos na quinta-feira, mas não obteve retorno.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Maia defende que Congresso discuta soluções para combater racismo no Brasil

Instalada nesta semana, a comissão irá acompanhar os desdobramentos da investigação do caso e promover reuniões

Procuradoria eleitoral denuncia Crivella por difamação

Segundo a PRE, Crivella frisou que as falas do atual prefeito sobre 'kit gay' e 'liberação de drogas' são fake news

Pesquisar minério em terra indígena não é proibida,diz Mourão

Mourão coordena o Conselho da Amazônia e defende a aprovação do projeto de lei enviado pelo governo ao Congresso

Bolsonaro diz que nunca chamou covid-19 de ‘gripezinha’

Diferentemente do que o presidente afirma agora, porém, ele comparou, sim, os sintomas da covid-19 a uma gripe em mais de uma ocasião

CNJ julga juiz que ‘solta muito’, trazendo insegurança

A defesa do magistrado diz que espera que o CNJ aplique o mesmo entendimento usado em 2017 no julgamento da desembargadora Kenarik Boujikian

Bolsonaro abre mão de depoimento presencial

A controvérsia em torno da forma como deveria ser o depoimento do presidente da República gerou desgaste não apenas entre o STF

ES Brasil Digital

Capa ES Brasil 182
Continua após publicidade

Fique por dentro

Governo busca saída legal se tiver de prorrogar pagamento do auxílio

O governo terá de incorporar mais de R$ 20 bilhões de despesas com o impacto do aumento da inflação e da prorrogação

Bruno: espaço para extensão de auxílio é muito reduzido

"A medida que está reduzindo auxílio e aterrissando no Bolsa Família, a economia vai retomando", disse o secretário do Tesouro

MJ leiloa 434 cabeças de gado usado para lavagem de dinheiro

Segundo o ministério, o leilão é resultado da alienação antecipada decretada pela 7ª Vara Federal da Seção Judiciária de Mato Grosso

País quer elevar comércio com a Índia, diz Guedes

"Nossos olhos brilham como vemos acordos como o da Ásia, que integram toda a região", afirmou o ministro da economia

Vida Capixaba

Sabores da Terra: Até amanhã!

Feira sabores da terra reúne 715 empreendedores de diversos setores do Estado e fica aberta até domingo

MAES reabre com exposição Vix Estórias Capixabas

O Museu de Arte do Espírito Santo Dionísio Del Santo (MAES) reabre as portas totalmente reformado e renovado para o público capixaba, a partir da próxima quinta-feira (03)

Artesãos capixabas participam de Feria Nacional do Artesanato em BH

Oito artesãos capixabas irão participar da 31ª Feira Nacional de Artesanato de Belo Horizonte, em Minas Gerais, entre eles o mestre do congo Domingos Teixeira e o mestre Marcos Ambrósio  

Sescoop/ES comemora 21 anos

Organização crucial para a elevação dos índices de profissionalização e de gestão das sociedades cooperativas capixabas, o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Espírito Santo (Sescoop/ES) completa, nesta quinta-feira (26), 21 anos de história e realizações.
Continua após publicidade