Temer encontra lideranças da base aliada e fala sobre a Previdência

O presidente se reuniu com Rodrigo Maia, presidente da Câmara, e representantes de partidos da base governista.

Michel Temer se reuniu com o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM), para tratar da reforma da Previdência. O encontro aconteceu na noite deste domingo e também estiveram presentes os presidentes dos partidos da base governista.

O presidente Temer pediu o apoio das lideranças partidárias para aprovar o texto que está em análise na Câmara. Segundo informações da Agência Brasil, Temer afirmou que, se a reforma não for aprovada, pode prejudicar a retomada do crescimento econômico do Brasil.

Para Rodrigo Maia, a reunião foi proveitosa e serviu para uma avaliação da votação da proposta com a maioria dos presidentes de partidos da base aliada. Segundo ele, a expectativa de conseguir reunir os votos da base, que tem mais de 320 deputados, é muito grande. “Acho que podemos, de forma organizada, ter condições de trabalhar a votação da previdência”, declarou Maia.

Segundo o presidente da Câmara, os presidentes e líderes partidários tiveram a oportunidade de falar sobre a votação e alguns chegaram a levantar a possibilidade de fechar questão a favor da aprovação da matéria.

Maia afirmou disse acreditar em condições favoráveis para aprovar a reforma previdenciária ainda este ano. A intenção das lideranças governistas e do próprio presidente da Câmara é votar a matéria na próxima semana. Porém, o vice-líder do governo, Perondi, teria declarado que ainda não há votos suficientes para aprovar a reforma. O governo precisa de 308 votos.