Feira de rochas na China atrai oportunidades para setor capixaba

rochas ornamentais
Foto: Divulgação/Facebook Victor Coelho

A cidade de Xiamen sediou um dos mais importantes eventos de rochas ornamentais do mundo. Cachoeiro assinou cooperação com cidade chinesa de Nan’an

A China é um dos maiores parceiros comerciais do Brasil, tanto em exportação quanto em importação de matérias-primas. Para se ter uma ideia, o Espírito Santo recebeu, nos últimos meses, mais de 10 missões empresariais desse país. Em relação às rochas ornamentais, a China é o segundo importador mais importante do Brasil. Apenas em dezembro de 2017, foram mais de 14 milhões de dólares gastos pelos chineses com mármore e granito nacionais.

Em busca de novas parcerias, uma equipe da Vitória Stone Fair visitou a feira de Xiamen, no país asiático. O evento aconteceu entre 6 e 9 de março. O objetivo da participação é trazer novos expositores e visitantes para a feira que acontece na Grande Vitória. Em 2018, a Stone Fair será de 5 a 8 de junho, no Carapina Centro de Eventos, na Serra.

A empresa promotora das feiras de Vitória e Cachoeiro é a Milanez & Milaneze. A representante Flávia Milanez destacou a importância de participar do grande evento internacional. “É uma ótima oportunidade para divulgar as rochas brasileiras e as feiras realizadas aqui. A China é um grande mercado para o Brasil e precisamos estreitar cada vez mais os laços para trazer mais parceiros”, pontua.

Segundo o subsecretário estadual de Transporte, Logística e Comércio Exterior, Neucimar Fraga, fizeram parte da comitiva capixaba prefeitos, empresários e representa.

“Os brasileiros estão bem representados nesta que é uma das mais importantes feiras do mundo no ramo de rochas ornamentais. Temos mais de 100 empresários brasileiros, principalmente capixabas, com 50 expositores, participando deste evento. O setor de rochas é extremamente importante para a economia do Espírito Santo”, declarou Fraga.

Cidades irmãs

 

Foto: Divulgação

Durante a viagem à China, uma comitiva formada por empresários e representantes de municípios capixabas participou da celebração de um acordo. Foi assinado o irmanamento entre as cidades de Cachoeiro de Itapemirim e Nan’an. Segundo o prefeito Victor Coelho, está oficializado o estabelecimento de uma relação amigável no desenvolvimento da cooperação na área de negócios. Além da cooperação econômica e comercial, as duas cidades-irmãs farão trocas em áreas como ciência, cultura, educação, saúde pública, esporte e turismo, desenvolvimento tecnológico e construção de parcerias público-privadas.

Vitória e Vila Velha também já firmaram parcerias com cidades chinesas. Em 2010, a capital capixaba e Zhuhai se tornaram oficialmente cidades-irmãs por meio de acordo de cooperação mútua. Em 2012, foi a vez de Vila Velha oficializar o irmanamento com a cidade de Qingdao.

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!