22.9 C
Vitória
segunda-feira, 16 maio, 2022

Tendência automotiva: carros híbridos e elétricos

Leia Também

Entenda as características e diferenças entre os carros híbridos e elétricos, que têm ganhado a preferência dos consumidores

Os veículos híbridos e elétricos deixaram de ser o futuro e já se tornaram realidade no Brasil. Com diversas opções disponíveis hoje, a venda de veículos híbridos decolou de vez no último ano. Com modelos que oferecem mais economia, conforto e menos impacto ambiental, os utilitários híbridos se tornaram uma tendência no mercado automotivo brasileiro.

Para compreender como funciona os carros híbridos, é necessário conhecer a diferença entre os motores elétricos e os movidos a combustão.

O motor movido à gasolina e etanol funciona a partir da queima dos combustíveis. As explosões internas geram energia que é convertida em energia mecânica, a qual faz as rodas se movimentarem. Já os carros elétricos utilizam a energia armazenada em baterias de grande capacidade, convertendo-as em energia mecânica.

E os híbridos? Segundo Guto Roque, gerente geral da Land Vitória, os modelos híbridos combinam ambas as tecnologias, gerando a energia necessária para a movimentação das rodas.

“Como o próprio nome diz, os carros híbridos extraem das tecnologias dos motores elétricos e os movidos a gasolina, a partir de um sistema eletrônico central que identifica padrões de aceleração e velocidade, para assim acionar o motor ideal para o momento e otimizar a potência e a autonomia do carro”, afirma Guto.

Tipos de veículos híbridos e elétricos

O portfólio de veículos híbridos elétricos no Brasil cresceu e hoje no mercado automotivo, é possível encontrar três tipos: o MHEV, HEV e o PHEV. Essa diferenciação diz respeito ao quanto cada motor trabalha na movimentação das rodas do carro.

“Os veículos híbridos leves (MHEV) têm um sistema híbrido que colhe e armazena a energia perdida na desaceleração do veículo, retroalimentando o carro para auxílio do motor. E com o avançado sistema stop/start, que permite desligar o motor enquanto o veículo desacelera, melhora a economia de combustível do veículo”, explica Guto.

Já os veículos elétricos híbridos (HEV), são movidos por um motor elétrico e um conjunto de baterias que melhoram a eficiência do carro. “Um veículo HEV tem a bateria carregada por meio de frenagem regenerativa que captura e a energia cinética na bateria, fazendo com que as rodas do veículo se movimente”, conta Guto.

Os carros elétricos-híbridos Plug-in (PHEV) combinam um motor convencional com um motor elétrico e uma bateria. Os veículos PHEV são carregados com uma fonte de alimentação externa e por meio de frenagem regenerativa, seleciona e combina suavemente o motor elétrico e o motor a combustão movimentando as rodas. “E com esse trabalho de captação de frenagem regenerativa, que os utilitários PHEV oferecem excelente desempenho e eficiência para quem opta por esse modelo”, afirma Guto.

Vantagens de ter carro híbrido elétrico

Umas das vantagens que os carros híbridos elétricos oferecem é a economia na hora de abastecer. Por usar energia elétrica para tracionar as rodas, o consumo de combustível cai de forma significativa. Outra vantagem é a durabilidade do veículo, uma vez que eles não usam motor de partida, embreagem e nem alternador, sendo assim com menos peças, o custo da manutenção no pós-vendas é menor.

Além disso tudo, é totalmente sustentável. “Por utilizar energia elétrica o tempo todo, as emissões de gás carbônico pelo motor são mais baixas, o que protege o meio ambiente”, conta Guto.

 

Continua após publicidade

Mais Motores

Blogs e colunas