21 C
Vitória
sábado, 20 DE julho DE 2024

Hospital Municipal Materno Infantil passa a receber investimentos mensais do ES

Enquanto o HMMI avança na Serra, o Hospital Estadual de Vila Velha (HESVV), continua a se firmar como uma referência em cuidados clínicos e paliativos

Por Kebim Tamanini

O Hospital Municipal Materno Infantil (HMMI), da Serra, recentemente, ampliou sua capacidade com mais 70 novos leitos. Em um movimento que reforça ainda mais essa estrutura, o governo do Estado firmou um repasse mensal de R$ 2,5 milhões para a unidade, destinado a sustentar e expandir os serviços prestados.

- Continua após a publicidade -

“Esse hospital foi muito importante durante o enfrentamento à pandemia, quando esteve à nossa disposição, e hoje está 100% efetivamente ocupado no cuidado às nossas mães e crianças. Esse investimento é a reafirmação da nossa parceria em diversas áreas com a Prefeitura e com a população da Serra, além do fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS)”, afirmou o governador Renato Casagrande.

Desde sua inauguração em fevereiro de 2022, o HMMI já se tornou um centro de referência, oferecendo 50 leitos para alojamento de gestantes e puérperas de risco habitual, um Centro Obstétrico completo e leitos para cirurgia ginecológica. Até o momento, o hospital já realizou mais de 8,6 mil partos, mais de 43,4 mil atendimentos, mais de 13,3 mil internações e cerca de 580 cirurgias ginecológicas eletivas.

Além de sua infraestrutura robusta, o HMMI se distingue por iniciativas inovadoras que visam humanizar e melhorar o atendimento. Entre essas inovações estão a “Árvore da Vida”, um projeto que oferece absorventes gelados preparados com chá de camomila para aliviar o desconforto pós-parto, um cartório para registro de recém-nascidos e a implementação do Plano de Parto. A unidade também fornece suporte vital às vítimas de violência sexual e outros serviços essenciais para a saúde da mulher e do recém-nascido.

Enquanto o HMMI avança na Serra, o Hospital Estadual de Vila Velha (HESVV), continua a se firmar como uma referência em cuidados clínicos e paliativos
Dez anos do Hospital Estadual de Vila Velha: unidade amplia processos assistenciais e cuidados paliativos. Foto: ES

Hospital Estadual de Vila Velha

Enquanto o HMMI avança na Serra, o Hospital Estadual de Vila Velha – Dr. Nilton de Barros (HESVV), anteriormente conhecido como Hospital dos Ferroviários, continua a se firmar como uma referência em cuidados clínicos e paliativos no Espírito Santo. Integrado à rede pública e atendendo pelo SUS, o HESVV tem se dedicado a oferecer atendimento de média e longa permanência com foco na qualidade de vida do paciente.

Nos últimos anos, o HESVV tem se destacado na formalização do Núcleo de Cuidados Paliativos, que é composto por uma equipe multiprofissional dedicada, incluindo médicos, enfermeiros, psicólogos e outros profissionais de saúde, todos comprometidos com a promoção da qualidade de vida dos pacientes e de suas famílias.

“Hoje o HESVV é um hospital 100% referenciado, com perfil clínico e que recebe pacientes de média e longa permanência. Com a visão na qualidade do atendimento e, principalmente, com o foco no paciente, a unidade vem desenvolvendo iniciativas que visam à necessidade deles”, destacou o subsecretário Estadual de Atenção à Saúde, José Tadeu Marino.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA