17 C
Vitória
terça-feira, 2 junho, 2020

Estado terá fundo com recursos do petróleo

Leia Também

Mais de 14 mil casos confirmados do novo coronavírus no ES

Segundo o “Painel Covid”, administrado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), chegou a 14.285 o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Espírito Santo.

Novas regras adotadas para o comércio a partir desta segunda-feira (1º)

As novas regras para galerias, centros comerciais, academia, shoppings e restaurantes de Vila Velha foram publicadas no Diário Oficial do município desse domingo (31).

Parque de iluminação de Vila Velha será modernizado e ampliado

O edital para contratação da empresa que realizará o serviço foi lançado na sexta-feira (29), nos Diários Oficiais do Município, Estado e da União, além de jornais de circulação nacional.

Segundo trimestre deve ser bem pior para o PIB, diz presidente do BC

Ao avaliar os dados de atividade, Roberto Campos Neto também afirmou que houve uma piora crescente da expectativa entre agentes econômicos sobre o PIB.

O fundo poderá ainda ser abastecido de outras fontes

O governador do Estado, Renato Casagrande, anunciou, nesta quinta-feira (21), o início dos estudos para criação de um fundo soberano, que receberá recursos provenientes da exploração da produção de petróleo e gás natural.

Os recursos deverão ser investidos em empreendimentos estratégicos, visando ao futuro do Espírito Santo. Esse fundo deve receber, inclusive, parte dos valores provenientes do acordo de unificação dos campos de petróleo no Parque das Baleias, que deverá ser assinado em abril.

Durante a entrevista coletiva realizada no Palácio Anchieta, o governador formalizou a assinatura do Decreto, que cria um Grupo de Trabalho formado pelas secretarias de Governo (SEG), Fazenda (Sefaz), Economia e Planejamento (SEP) e a Procuradoria-Geral do Estado (PGE), que vai elaborar a proposta legislativa para regulamentar a criação do fundo.

Segundo o governador, o projeto deve ser enviado à Assembleia Legislativa logo após a assinatura do acordo, que deverá ser firmado entre a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e a Petrobras.

“Em 45 dias, esse grupo de trabalho vai apresentar uma proposta de legislação para que a gente use parte dos recursos, principalmente, da Participação Especial. Temos perspectiva de aumentar nossa Participação Especial com esse acordo. Com parte desse incremento, queremos consolidar um fundo soberano”, apontou.

Para Casagrande, é preciso cuidar das riquezas naturais de forma consciente para diminuir a dependência do Estado dos recursos gerados pela exploração e produção do petróleo. No entanto, o fundo poderá ainda ser abastecido de outras fontes.

“A criação deste fundo é porque temos uma preocupação com o presente e com o futuro do Estado. Estamos pensando em capitalizar esse fundo com parte dos recursos, para que a riqueza gerada hoje possa garantir o futuro do Estado com uma dependência menor do petróleo. Os países que usam suas riquezas naturais sem se preocupar com o futuro acabam cristalizando problemas para a sociedade. O uso do pau Brasil foi assim, do ouro, qualquer mineral é assim”, comentou.

Segundo o governador, o projeto deve ser enviado à Assembleia logo após a assinatura do acordo, que deverá ser firmado entre a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis e a Petrobras (Fotografia – iStock)

O Grupo de Trabalho vai aguardar a confirmação do acordo da unificação dos campos de petróleo do Parque das Baleias para decidir a porcentagem dos recursos que serão destinados ao fundo Soberano. As instituições financeiras do Estado ficarão responsáveis pela operação, mas a gestão dos recursos ficará a cargo do próprio Governo.

“Queremos um fundo com gestão própria, operacionalizado por uma instituição nossa, como o Bandes ou Banestes. O Grupo de Trabalho vai dizer o melhor caminho, mas a gestão será própria e que possamos fazer, assim que tiver um nível de capitalização adequado, investimentos no Estado. A ideia é realizar investimentos em empreendimentos estratégicos, seja na área de logística, como em um porto para ganharmos em competitividade, como por exemplo, em inovação tecnológica, aumentando o ambiente de inovação no Estado e até mesmo participando em alguma empresa pública, desde que se tenha retorno e aumente o ativo do próprio fundo”, ressaltou.

O Grupo de Trabalho será coordenado pelo subsecretário de Estado do Governo para Assuntos Administrativos, Ricardo Pessanha.

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_176
Continua após publicidade

Fique por dentro

Embraer tem prejuízo líquido de R$ 1,276 bilhão no 1º trimestre, 6 vezes maior

Segundo a empresa, os principais fatores determinantes para o aumento do prejuízo líquido ajustado foram o declínio na receita operacional aliado ao crescimento das perdas cambiais.

Especialista dá dicas para quem deseja empreender na internet

Com as medidas de isolamento, houve um aumento no mercado de compras online. Para quem ainda não está no mercado virtual de vendas, esse é o momento.

Crise econômica causada pelo novo coronavírus faz desemprego chegar a 12,6%

De acordo com o IBGE, são aproximadamente 4 milhões de brasileiros fora do mercado de trabalho nesse trimestre.

Prejuízo com fechamento de shoppings centers capixabas chega a R$ 1 bilhão

Os shoppings centers da Grande Vitória estão fechados desde o dia 19 de março, por meio de um decreto estadual a fim de conter a pandemia do novo coronavírus.

Vida Capixaba

“Chapeuzinho Vermelho” no Diversão em Cena ArcelorMittal

Produzido pela Companhia O Trem, o espetáculo terá música ao vivo, brincadeiras e muita interação: o elenco precisará da ajuda do público para contar a história.

Lugar de homem é na cozinha

A arte de combinar ingredientes e temperos tem atraído mais e mais homens Em restaurantes ou em ambientes domésticos, é cada vez mais comum ver...

Shoppings da Grande Vitória poderão abrir a partir de segunda (1º)

De acordo com a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, a decisão foi tomada durante uma reunião da Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública do Estado, realizada hoje. 

Como montar um cantinho lúdico e organizado para as crianças

Com as crianças em casa em tempo integral, as famílias se deparam com o desafio de manter a rotina de atividades escolares e brincadeiras.
Continua após publicidade