24.9 C
Vitória
quarta-feira, 1 dezembro, 2021

Covid-19: ES pretende imunizar 213 mil jovens no sábado (21)

Atenção, ‘novinhos’ da Grande Vitória! No sábado (21) será realizado o ‘Dia D’ de vacinação contra a covid-19 em todos os municípios do Espírito Santo.

Por Munik Vieira

Pensando nisso, o governador Renato Casagrande informou, por meio das redes sociais, que irá disponibilizar 213 mil vacinas contra a covid-19 para a 1º dose do público acima de 18 anos em todo os municípios capixabas.

“Vamos lá, turma. Chame seus amigos e vamos juntos fazer a nossa parte. Só assim vamos vencer essa luta e salvar vidas”, destacou o governador.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, a expectativa é que o Dia D contra a Covid-19 seja um marco de todas as campanhas de vacinação já desenvolvidas no Espírito Santo.

“Teremos o grande dia de mobilização capixaba contra a pandemia da Covid-19 para poder, em todos os municípios, bater um grande recorde de aplicação diária das vacinas. Convidamos toda a população que faça a adesão ao início do esquema vacinal. A primeira oportunidade de se vacinar. Vacine-se, porque as vacinas são as principais medidas garantidoras da proteção contra a doença e da proteção à vida. E de fato iremos avançar para permitir que o Estado seja um dos primeiros a concluir a vacinação da D1 na população adulta”, informou o secretário.

Operacionalização do Dia D

Com o intuito de iniciar novos esquemas e ampliar a cobertura vacinal contra a Covid-19 da população de 18 anos ou mais em todo Espírito Santo, a Secretaria da Saúde vai disponibilizar aos 78 municípios capixabas cerca de 213 mil doses de imunizantes para aplicação, neste sábado (21). Confira a tabela clicando aqui.

A distribuição às regionais de Saúde e aos municípios da Região Metropolitana teve início, na manhã desta quarta-feira (18), e cada cidade receberá o quantitativo de acordo com a sua capacidade operacional.

“Realizamos um levantamento com as secretarias municipais de saúde sobre a capacidade operacional de cada cidade para a destinação do número de doses, ou seja, relacionado à infraestrutura, ao quantitativo de profissionais e de quantas doses tem capacidade de aplicar em um dia de ação”, destacou a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Vigilância das Doenças Imunopreveníveis, Danielle Grillo.

A coordenadora informou ainda que o Dia D não se limitará apenas à população de cada cidade, podendo haver a contribuição de demais municípios no apoio de macrorregiões. A população pode buscar municípios vizinhos – não apenas o de residência – para receber a dose.

A cidade de Viana, por exemplo, receberá cerca de 8 mil doses de forma a contribuir com a vacinação da população da Grande Vitória. “É um município que com o projeto Viana Vacinada está bastante adiantado na cobertura vacinal de sua população, e como tem uma boa estrutura, aproveitará sua capacidade para auxiliar as demais cidades da região”, explicou.

O acesso à vacinação será mediante agendamento, que deverá ser feito pelo sistema disponível, seja por site próprio ou por meio da plataforma Vacina e Confia daqueles municípios que aderiram ao sistema. E cada município fará a divulgação dos pontos de vacinação em seu território.

Até esta quarta-feira (17), 33 municípios já haviam adotado o sistema de agendamento estadual, são eles: Água Doce do Norte, Alfredo Chaves, Barra de São Francisco, Boa Esperança, Cariacica, Castelo, Conceição da Barra, Domingos Martins, Ecoporanga, Guarapari, Ibatiba, Iconha, Itaguaçu, Itapemirim, Iúna, Jaguaré, Jerônimo Monteiro, Laranja da Terra, Mimoso do Sul, Montanha, Mucurici, Nova Venécia, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo, Presidente Kennedy, Rio Novo do Sul, São Mateus, Sooretama, Vargem Alta, Viana, Vila Pavão e Vila Velha.

Novos pontos de vacinação

A Secretaria da Saúde (Sesa), em articulação com as secretarias municipais, disponibilizará novos pontos de vacinação para a população. A princípio, cerca de 11 unidades estaduais serão colocadas à disposição, entretanto, o processo está em organização para o levantamento adequado do número de profissionais a serem disponibilizados a atuarem no dia D.

Havendo o fechamento do número de unidades hospitalares e de profissionais, o texto será atualizado.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade