21.9 C
Vitória
terça-feira, 24 maio, 2022

Prefeitura de Vila Velha e BNDES firmam parceria para modernizar parque de iluminação da cidade

vila velha
Foto: Reprodução

Serão investidos mais de R$ 110 milhões ao longo do período de contrato. A concessionária ganhadora da licitação será responsável realizar melhorias, como a instalação de tecnologia de monitoramento remoto das luminárias (telegestão) nas principais vias, entre outras

A Prefeitura de Vila Velha assinou um convênio com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para modernizar o parque de iluminação da cidade. Com o novo sistema, quase meio milhão de cidadãos serão beneficiados.

O prefeito de Vila Velha, Max Filho, e o diretor de infraestrutura, Concessões e PPPs do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Fábio Abrahão, explicaram como funcionará o projeto, nesta quinta-feira (04).

Inicialmente, o sistema substituirá as 35 mil luminárias em toda a cidade, com lâmpadas com tecnologia de LED, além de telegestão, instalação de tecnologia de monitoramento remoto das luminárias. As lâmpadas serão as mesmas utilizadas no Convento da Penha.

De acordo com Fábio Abrahão, o projeto prevê redução de custo para a prefeitura em 50%. “É importante justamente porque há uma troca de tecnologia mais eficiente e é importante no ponto de vista de caixa das prefeituras”, disse ele.

Mudanças

Segundo o prefeito Max Filho, a intenção é que a troca seja realizada no primeiro ano. “Vamos fazer a troca de 35 mil pontos de iluminação no primeiro ano. Depois faremos no 11º ano da concessão. Toda a cidade vai perceber a eficiência do novo parque. As pessoas terão uma nova percepção das pessoas na rua, pois estarão mais nítidas. Toda a cidade vai sentir essa mudança”, disse ele.

Sobre a tarifa de energia, Max informou que no primeiro momento não há previsão de redução, mas é uma possibilidade que ocorra futuramente. “A tarifa de energia é algo a ser avaliado, pois a Contribuição para o Custeio da Iluminação Pública dos Municípios (Cosip) já é paga na conta de energia, não muda nada. A redução do consumo de energia é algo totalmente sustentável. Com a redução de 50% em médio e longo prazo haverá redução de tarifa de energia, não nesse momento, pois a empresa disponibilizará um montante, com segurança jurídica, mas abre espaço para pensarmos nisso”, afirmou.

Licitação

No dia 03 de agosto na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão), na Bolsa de Valores, na capital paulista, após cumprir todos os ritos legais de contratos, será conhecida a empresa que executará o serviço no município.

“O processo longo, projeto que teve muita gente ajudando, construído há muitas mãos.
Nesse estagio publicamos o edital da licitação. No dia 02 de setembro assinatura do contrato com a concessionária ganhadora”, finalizou o prefeito.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade