21 C
Vitória
sábado, 20 DE julho DE 2024

Uso de IA no Judiciário aumentou 26% desde 2022, diz CNJ

Os projetos de IA em desenvolvimento pelos tribunais são mapeados pelo CNJ desde 2020

Uma pesquisa feita pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) revelou que o número de projetos de inteligência artificial (IA) desenvolvidos por órgãos do Judiciário, como tribunais ou conselhos, cresceu 26% desde 2022. Ao todo, o relatório Pesquisa Uso de IA no Poder Judiciário 2023, envolveu 91 tribunais e 3 conselhos e identificou 140 projetos de IA.

Segundo o CNJ, a expectativa dos juristas é que estas tecnologias deem mais eficiência, inovação e parcerias estratégicas para enfrentar os desafios judiciais, como a alta demanda de trabalho. A pesquisa faz parte do Programa Justiça 4 0, iniciativa do Conselho e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) cujo objetivo é acelerar a transformação digital na Justiça.

- Continua após a publicidade -

Os projetos de IA em desenvolvimento pelos tribunais são mapeados pelo CNJ desde 2020. Nesta edição, o levantamento mostrou que, das 140 soluções tecnológicas mapeadas, 63 já estão em uso ou aptas a serem utilizadas. Por sua vez, 46 estão em fase final de desenvolvimento, e 17 estão em fase inicial e três ainda não foram iniciadas. Além disso, 11 projetos já foram finalizados, porém ainda não foram implementados.

A área que mais concentra projetos de IA é o Judiciário estadual, com 68, seguido pelas justiças Eleitoral (23), do Trabalho (20), Federal (14) e Superior (13). Os conselhos de Justiça apresentam, ao todo, dois projetos. Com informações de Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA