21 C
Vitória
quarta-feira, 21 outubro, 2020

Simone Tebet: governo falar em imposto novo polui o debate da reforma tributária

Leia Também

Agea Saneamento vence leilão de concessão de esgotamento sanitário de Cariacica e Viana

A empresa Agea Saneamento, venceu nesta terça-feira dia 20, o leilão de concessão com uma proposta de tarifa de R$0,99 por m³ de esgoto faturado, o que representa um desconto de 38,12% sobre o valor estabelecido no Edital.

STF confirma não ser obrigatório portar título de eleitor para votar

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, por unanimidade, que o eleitor não pode ser impedido de votar caso não tenha em mãos o título de eleitor, sendo obrigatória somente a apresentação de documento oficial com foto.

Número de novas empresas volta a crescer no Espirito Santo

O Espirito Santo voltou a registrar o crescimento de novas empresas.

“Vamos discutir ISS e ICMS em um segundo momento, quando o governo tiver condições de criar um fundo”, disse a senadora

Por Lorenna Rodrigues (AE)

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) disse que o governo está “poluindo o debate” em torno da reforma tributária ao falar de um imposto novo. A equipe econômica tem defendido a desoneração da folha e a criação de um imposto digital para compensá-la, que vem sendo comparado à antiga CPMF.

“Algumas coisas estão poluindo o debate. O governo quer a reforma tributária como fonte para resolver todos os seus problemas, quer aumentar investimento, criar Renda Brasil e criar imposto novo. Com isso, começa a ter muitas resistências”, disse a senadora, em evento virtual da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

A senadora defendeu ainda fazer agora a “reforma possível”, com a criação de um Imposto sobre Valor Agregado (IVA) federal e simplificação de impostos. “Vamos discutir ISS e ICMS em um segundo momento, quando o governo tiver condições de criar um fundo”, completou.

No evento, o deputado federal João Roma (PRB-BA), que foi relator da PEC 45 na Comissão de Constituição e Justiça, criticou ainda o envio da proposta de reforma do governo em fases. Até agora, a equipe econômica só mandou ao Congresso Nacional a primeira parte de sua proposta, unificando o PIS e a Cofins.

“O que causa mais estresse neste momento é a reforma tão aguardada do ministro da Economia Paulo Guedes ter sido apresentada faseada. Uma reforma sistêmica como essa não pode vir por partes”, completou.

Municípios

O presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Glademir Aroldi, afirmou, no mesmo evento, que os municípios precisarão de um fundo de compensação para a reforma tributária de R$ 1,6 bilhão. Aroldi disse que os prefeitos não querem um fundo que “quebre a União”, em uma referência às críticas do ministro da Economia, Paulo Guedes, aos pedidos de prefeitos e governadores de criação de um mecanismo para que a União compense as perdas de arrecadação que os Entes terão com as mudanças tributárias em discussão no Congresso Nacional. “O ministro Paulo Guedes falou de um fundo de R$ 45 bilhões, que quebraria a União. Não é isso que queremos, se quebrar a União, estamos fora”, afirmou.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Conselho de Ética: investigação contra Chico Rodrigues depende de Alcolumbre

A estratégia da cúpula do Senado é derrubar o afastamento determinado pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF)

Tebet sobre indicações ao STF: ‘problema está muitas vezes no nome apresentado’

Segundo a presidente da CCJ, "não tem uma fórmula perfeita, mas esta PEC é um pouco melhor do que aí está, sem dúvida nenhuma"

‘Fofoca’, diz Bolsonaro sobre especulação de que Maia pode virar ministro

"Rodrigo Maia é chefe do Legislativo e vai continuar sendo tratado, da minha parte, como chefe do Legislativo", disse o Presidente

Bolsonaro volta a dizer que vacina contra covid-19 não será obrigatória

Na última sexta-feira, 16, o Presidente já havia sinalizado que o governo não iria obrigar a população a se vacinar

Bolsonaro: fala de Mandetta sobre “trezoitão” iria contra profissão de médico

Hoje, quando questionado por apoiadores sobre a suposta declaração, o chefe do Executivo ressaltou que não tinha conhecimento do assunto

Gilmar: levar ações penais para o plenário é bom, mas acho que não dará certo

As ações penais passarão a ser levadas para análise do plenário, formado pelos onze integrantes do tribunal

ES Brasil Digital

Capa ES Brasil 181
Continua após publicidade

Fique por dentro

Guedes volta a enfatizar necessidade de acelerar privatizações

"No primeiro ano em meio de governo fizemos nosso dever de casa e agora vamos fazer um road show de investimentos", completou o ministro

Guedes: estamos próximos de assinar acordo com EUA para evitar dupla taxação

Segundo o ministro, as novas reformas e novas fronteiras de investimento em diferentes setores possibilitarão o crescimento

Guedes diz que pode desistir de imposto sobre transações digitais

"A Febraban é que mais subsidia e paga todos os economistas brasileiros para dar consultoria contra esse imposto", afirmou Guedes

Rebanho bovino alcançou 214,7 milhões de animais em 2019, afirma IBGE

O Estado de Mato Grosso manteve a liderança na criação de gado, com 31,7 milhões de cabeças, o equivalente a 14,8% do rebanho nacional

Vida Capixaba

Disque-Denuncia completa 19 anos de existência

O Disque-Denúncia 181 da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) completou 19 anos de existência e auxílio no trabalho policial no Espírito Santo.

Premio Inoves tem o maior número de inscritos em dois anos

O Inoves, uma premiação de Gestão Pública, registrou o maior numero de inscritos desde o ano de 2018.

Instituto capixaba investe 1 milhão de reais em startups

Os futuros empreendedores capixabas serão contemplados com o investimento de R$1 milhão, para quem deseja abrir seu próprio negócio.

Um dia No Parque

O parque Estadual da Pedra Azul, em Domingos Martins, está participando do Festival um Dia no Parque.
Continua após publicidade