Se você não cuidar da sua saúde, quem vai?

(Fotografia - iStock)

Hoje, Dia da Saúde e Nutrição, serve como um lembrete para quem não tira o tempo necessário para cuidar de si

É mais que conhecido de por todas as pessoas que uma alimentação equilibrada e saudável é de importância imperativa para uma vida com saúde. Porém, por que é tão difícil adotar ações que fazem bem para o nosso corpo?

O Ministério da Saúde, desde 2015, adotou a data de 31 de março como Dia da Saúde e Nutrição com objetivo de alertar pessoas e instituições públicas e privadas sobre os cuidados com os hábitos alimentares.

A campanha defende o consumo da comida feita em casa e a volta das preparações simples, baseadas em alimentos in natura e o uso cada vez menor de ultraprocessados.

De acordo com a nutricionista do Programa Viver Bem da Unimed Vitória Dalyla Formagine, uma alimentação equilibrada associada a atividade física regular melhora o ritmo de sono, a função cardíaca, a composição corporal, regula intestino, diminui acúmulo de gordura abdominal, melhora disposição e humor, o que aumenta expectativa de vida.

“O dia a dia das pessoas está cada vez mais corrido e, muitas vezes, elas acabam optando por alimentos práticos e rápidos e deixam o exercício físico de lado. Entretanto, há alternativas fáceis para manter-se saudável mesmo na correria”, garantiu a especialista.

Veja alguns hábitos que podem trazer toda a diferença

1 – Reserve horários para preparar seus alimentos: prepare as refeições com antecedência, higienize legumes e verduras, corte frutas e organize lanches;
2 – Faça sua lista de compras: isso garante que seu cronograma de cardápio seja cumprido;
3 – Armazene de maneira adequada: opte por potes de vidro, pois conserva melhor os alimentos;
4 – Reserve um dia para ir às compras: ajuda a manter a organização;
5 – Escolha versões integrais: eles ajudam no bom funcionamento do intestino, aumentam a saciedade e oferecem mais nutrientes;
6 – Respeite sua fome e sua saciedade;
7 – Leve sua marmita: saber a origem do que você come, como é preparado e não precisar ficar à mercê de alimentos que come na rua também contribui para uma alimentação saudável;
8 – Use temperos naturais: quanto menos produtos industrializados, melhor. Temperos industrializados, além de sódio, têm também grande quantidade de conservantes.
9 – Reduza a quantidade de açúcar: se permita sentir o sabor original do alimento.
10 – Hidrata-se.


LEIA MAIS

Aprenda a escolher e a armazenar frutas

Conteúdo Publicitário