Anchieta: orla da praia dos Castelhanos será reurbanizada

A primeira fase da obra foi para conter o avanço das águas para a orla (Fotografia - Divulgação/Prefeitura da Anchieta)

Em Anchieta, Governador também comenta sobre retorno das atividade da Samarco

Após passar por danos causados pela erosão, a orla da praia de Castelhanos, em Anchieta, passará por obras de reurbanização. As intervenções também beneficiarão o turismo na região já que balneário do município é um dos mais visitados no verão.

O governador Renato Casagrande e o secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcus Vicente, assinaram a ordem de serviço em solenidade realizada na manhã desta quinta-feira (4).

Casagrande acredita que as obras contribuirão com o desenvolvimento da região e na geração de mais oportunidades.

“Esse momento é histórico. Quando estive aqui [em fevereiro] dando sequência ao convênio, avisei que não pararia nenhuma obra. De lá para cá, a economia continua incerta, mas resolvemos não paralisar e dar sequência, fazendo um controle rigoroso no custeio e nos gastos correntes. Daqui a uns dias retornaremos para inaugurar a recuperação da Ponta de Castelhanos”, garantiu.

Casagrande apontou que o Estado está buscando alternativas para driblar as dificuldades e as incertezas vindas do cenário econômico. “O acordo com a Petrobrás, provocado em nosso Governo passado, foi fruto de um trabalho árduo e no que receberemos R$ 1,5 bilhão até 2022. Esses recursos serão utilizados nesse tipo de obra, em obras estruturantes e que mudarão a região criando desenvolvimento e oportunidades”, pontuou o governador, ressaltando a importância do turismo em toda região litoral sul capixaba.

“Essa reurbanização será importante para atrair ainda mais turistas para essa região, que é uma das mais lindas do nosso Estado. Mas, antes de atrair os turistas, precisamos dar qualidade de vida a quem mora aqui. Só irá receber bem os turistas, se os moradores estiverem bem onde vivem”, completou.

Perspectiva de como ficará o orla após o fim das obras (Imagem – Divulgação/Prefeitura de Anchieta)

Em relação à economia local, o governador também falou sobre a implantação da Ferrovia EF-118 e o retorno das atividades da mineradora Samarco: “Estou trabalhando muito para que retorne. Estive com o governador de Minas Gerais [Romeu] Zema e com a diretoria da Samarco. Me reuni ainda com a Vale e a BHP, pressionando para que voltem às atividades. Estão colocando a culpa na liberação ambiental, por isso estamos em contato com o Ibama para agilizar o que for preciso. Estamos trabalhando desde o primeiro dia para a criação da Estrada de Ferro que liga Cariacica até Anchieta. Será uma ligação importante para o desenvolvimento. Também vamos seguir na luta para que ela vá até o Rio de Janeiro, passando por Presidente Kennedy, ligando os dois Estados”, disse.

Obras

O secretário Marcus Vicente comentou sobre a obra: “O valor conveniado pelo Governo com a prefeitura de Anchieta foi de R$ 6.494.840,80. Entretanto, o valor licitado foi de R$ 4.854.238,83, resultando em economia aos cofres públicos. As obras contarão com drenagem, calçadão pavimentado, sinalização vertical e horizontal, bicicletário, paisagismo e ciclovia ao longo de toda orla, permitindo aos usuários espaços para caminhadas, lazer e esportes. Também serão construídos 12 quiosques, 12 banheiros, bancos em concreto e lixeiras”, explicou, lembrando que os recursos economizados serão investidos em outros municípios capixabas.

(Imagem – Divulgação/Prefeitura de Anchieta)

Durante a agenda em Anchieta, o governador e sua comitiva realizaram uma visita às obras de recuperação na ponta de Castelhanos. No local, foi construído um muro de contenção e está sendo realizada a pavimentação da rua, visando conter o avanço do mar nos períodos de maré alta.


LEIA TAMBÉM
Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!