25 C
Vitória
sábado, 4 abril, 2020

Reta final nas eleições israelenses. Confira a disputa!

Leia Também

Apresentação do comprovante de multa eleitoral deixa de ser obrigatório

O sistema elo evita que os eleitores precisem ir aos cartórios eleitorais para comprovar o pagamento de multas eleitorais.

Confira a previsão do tempo para o fim de semana!

O tempo ficará instável neste fim de semana, segundo o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

Brasil registra mais de 9 mil casos e quase 360 mortes, nesta sexta (3)

Apenas os estados da região Norte não registrou mortes por coronavírus. Os estados de São Paulo e Rio de Janeiro foram os que mais registraram óbito.

Caixa lançará na terça aplicativo para cadastro em renda emergencial

O banco também lançará uma página na internet e uma central de atendimento telefônico para a retirada de dúvidas e a realização do cadastro.

Nesta terça-feira (17) dia das eleições israelenses, o Estado Judeu revela algumas incertezas quanto o resultado final das urnas

Nesta terça-feira (17) é o dia das eleições nacionais israelenses. Em menos de seis meses, é a segunda vez que os eleitores de Israel vão votar. Isso ocorreu porque o primeiro-ministro Benjamin-Netanyahu não conseguiu reunir a maioria dos assentos para formar um governo, após as eleições de abril.

Existem 30 partidos para os israelenses escolherem, dentre eles o Likud de Netanyahu, e o azul e branco, liderado pelo ex-chefe do Estado Maior das Forças de Defesa de Israel, general Benny Gantz.

As pesquisas revelam que os dois oponentes estão bem equilibrados na liderança das pesquisas. Entretanto, partidos de direita como Ayelet Shaked Yamina, o centrista do Avigor Liberman, Israel Beiteinu, e a Lisata Árabe Unida integram a disputa.

ANALISTA POLÍTICO

Segundo o comentarista político Shmuel Rosner existem dois pontos principais que os israelenses enfrentam nessas eleições.

Comentarista político israelense, Shmuel Rosner, dissem que dois pontos principais que os israelenses enfrentam nessas eleições. – Foto: Divulgação

“Um é o tópico que tínhamos em abril, o mesmo sobre o qual votamos há meio ano, e essa é a questão de se o primeiro-ministro Netanyahu, o primeiro-ministro mais antigo da história de Israel, manterá seu emprego”, declarou Shmuel, que complementou que essa batalha definirá o futuro do Estado Judeu.

O comentarista acrescentou que esta não é a questão da direita contra a esquerda, não se refere aos palestinos, ao Irã, à economia ou à corrupção, trata-se dessa pessoa e se queremos que ele continue como primeiro-ministro de Israel.

“A segunda questão, e isso é novo para esta eleição, é para garantirmos que não teremos um terceiro turno. Um dos resultados que os israelenses não gostariam de ver após esta eleição é que precisamos votar pela terceira vez em um ano ou um ano e meio”, revelou Shmuel.

OPINIÃO NAS RUAS DE ISRAEL

Segundo israelenses que estavam nas ruas, em específico no mercado de Mahayne Yehuda, Jerusalém, alguns pontos vão definir as eleições. Sob o mesmo ponto de vista, segurança, questões sociais, educação e sobreviventes do holocaustos, são questões decisivas.

“Bibi Netanyahu, porque acho que ele está funcionando bem e não quero o lado esquerdo do mapa”, disse Edna.

“A melhor opção é Bibi Netanyahu, como se eu não fosse um dos fãs dele, não concordo com ele, mas acho que ninguém pode substitui-lo agora”, disse David.

Em Tel Aviv, o centro econômico do país, muitos israelenses não quiseram comentar. Entretanto em Rothschild Street, uma das ruas mais famosas da cidade, e onde o Estado Judeu começou, alguns revelaram sua opinião.

“Acho que quero ver Gantz como o próximo primeiro-ministro de Israel. Eu acho que a situação atual não é tão boa para nós; politicamente, globalmente, acho que podemos mudar muitas coisas”, disse Lior.

“Nós não sabemos quem escolher. Tipo, é uma decisão realmente difícil. Eu acho que irei por Gantz, mas não sei; talvez, Gantz ou Liberman, todos, exceto Bibi ”, disse Moshe.

RESULTADO DAS ELEIÇÕES

Segundo Rosner, existem dois resultados básicos para esta eleição. O primeiro é Netanyahu e sua coalizão para conseguir 61 assentos, e que a formará com os partidos de direita, partidos religiosos, e seguirá as últimas políticas dos últimos cinco anos.

“O segundo resultado possível é o desconhecido: o acampamento de Netanyahu não tem 61 assentos e haverá muitas manobras. Terá que haver algum tipo de coalizão de unidade”, revelou o comentarista, que que levantou algumas perguntas.

“É Netanyahu, é o general Gantz? São os dois, com algum tipo de rotação? Alguém do Likud que não é Netanyahu? Portanto, existem muitas complicações”, destacou.

Depois dos resultados desta terça-feira (17), os resultados devem ficar mais claros, e novos desafios vão surgir, pois Netanyahu ou Gantz tentarão formar o próximo governo.

*Da redação, com informações de CBN News 

Leia Também:

Israel promete ataque na Faixa de Gaza

Publicidade

ES Brasil Digital

ES Brasil 174
Continua após publicidade

Fique por dentro

5 vantagens que a atividade física traz ao mercado de trabalho

Exercícios físicos podem ajudar as pessoas a terem uma vida mais prazerosa e crescerem profissionalmente Com a correria do dia a dia, muitas pessoas entram...

Venda de imóvel? Saiba o que é lucro imobiliário e o impacto no IR

O ucro imobiliário se configura quando o proprietário vende um imóvel por um valor mais alto do que comprou. Veja os impactos causados no IR.

Coronavírus pode reduzir exportações em US$ 18,6 bi, informa CNI

A projeção inicial foi baseada na estimativa de que o PIB global encolherá 1,1% em 2020. A quantidade exportada deve cair 56 milhões de toneladas.

IPRF: prazo para entrega é prorrogado pelo governo

O prazo para a entrega do IPRF foi alterado para 30 de junho, mas mesmo tendo mais tempo, não deixe para a última hora. Saiba mais!

Vida Capixaba

Confira a previsão do tempo para o fim de semana!

O tempo ficará instável neste fim de semana, segundo o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

Semana Santa marcada pela tradicional torta capixaba

A tradicional Torta Capixaba, um dos pratos mais tradicionais da época, será vendida nos estabelecimentos, apesar da crise causada pelo novo coronavírus.

Tempo: o que esperar para abril?

O mês de abril será marcado por temporais, chuvas volumosas e potencial para alagamentos. O mês começa com alerta e situação de perigo para chuvas fortes.

Camerata Sesi apresenta a live: “Café com Maestro”

Com o tema “Os benefícios da música na educação musical”, o maestro Leonardo David convida a musicista Fabi Cruz para a live nesta quarta (01), às 17h
Continua após publicidade