25 C
Vitória
domingo, 5 abril, 2020

Poluição encurta vida de crianças, segundo pesquisa

Leia Também

Metade de calorias consumidas por brasileiros vem de alimentos frescos

Segundo o levantamento, dentre os alimentos in natura e minimamente processados, o arroz correspondeu a 15,6% das calorias totais, seguido do leite, com 5%.

Pandemia: 5 dicas para quem quer entrar no mercado

Em meio aos diversos grupos impactados pela pandemia do coronavírus no país, plataformas online, redes sociais e grupos são opções para o período.

Produtores de alimentos orgânicos entregam encomendas em casa

Os consumidores podem encomendar os alimentos com os produtores ou com os empreendimentos agrícolas. A entrega deve ser combinada com o fornecedor.

Covid-19 no Brasil: 432 mortes e mais de 10 mil casos confirmados

Balanço do Ministério da Saúde divulgado neste sábado (4) aponta para 73 novos óbitos no país em razão da covid-19 O balanço dos casos de...

O estudo global destacou que as principais causas são o tráfego e a indústria

A poluição é uma das causas do encurtamento da expectativa de vida de crianças que nascem hoje. Segundo a edição de 2019 do estudo “State of Global Air” (“Estado do Ar Global”, em tradução livre), as crianças viverão 20 meses menos, em média, por conta do ar tóxico que é difundido em todo o mundo.

A poluição atmosférica fez mais vítimas em 2017 e o maior número de vítimas foi registrado no Sul da Ásia. Pode-se dizer que o ar poluído é mais letal do que a malária e do que acidentes rodoviários, além de ser comparado ao tabagismo.

Vale destacar que no Sul da Ásia, por exemplo, as crianças podem ter suas vidas reduzidas em 30 meses; e na África Subsaariana, em 24 meses, por causa da combinação de poluição do ar causada por tráfego e indústria, e pelo ar sujo dentro de casa, principalmente na cozinha.

A letalidade da poluição, no entanto, não é novidade. Um estudo americano publicado pela revista científica The Lancet em 2017 revelou que uma a cada seis mortes prematuras ocorridas no mundo em 2015 podem ser atribuídas à poluição ambiental. A estimativa é que 6,5 milhões de mortes foram causadas pela poluição do ar.

A médica pneumologista Jéssica Polese afirma que os gases poluentes emitidos principalmente por veículos e indústrias, afetam diretamente o sistema respiratório, favorecendo a piora de doenças pré-existentes, como asma, enfisema e fibrose, e facilitando infecções respiratórias como pneumonias, sinusites e tuberculose.

“Além disso, pesquisadores estão percebendo que essa poluição provoca estresse oxidativo, responsável por causar arritmias, hipertensão, coronariopatias (infarto) e acidentes vasculares cerebrais (AVC)”, ressalta Jéssica.

Idosos

A poluição do ar é uma preocupação crescente em todo o mundo, e o tema tem sido descrito como uma emergência global. E os idosos também estão na lista dos afetados pelo ar tóxico.

De acordo com o estudo, quase nove em cada dez mortes atribuídas à poluição do ar ocorreram em pessoas com mais de 50 anos. O relatório destaca que, com mais de 90% das pessoas em todo o mundo respirando ar perigoso, resulta da expansão industrial, do aumento do tráfego e da exposição à poluição interna causada por incêndios de combustíveis sólidos.

Publicidade

ES Brasil Digital

ES Brasil 174
Continua após publicidade

Fique por dentro

Como proteger o fluxo de caixa em tempos de pandemia?

O que vem pela frente, agora, são os debates sobre a possibilidade de os empresários usarem o argumento de força maior.

5 vantagens que a atividade física traz ao mercado de trabalho

Exercícios físicos podem ajudar as pessoas a terem uma vida mais prazerosa e crescerem profissionalmente Com a correria do dia a dia, muitas pessoas entram...

Venda de imóvel? Saiba o que é lucro imobiliário e o impacto no IR

O ucro imobiliário se configura quando o proprietário vende um imóvel por um valor mais alto do que comprou. Veja os impactos causados no IR.

Coronavírus pode reduzir exportações em US$ 18,6 bi, informa CNI

A projeção inicial foi baseada na estimativa de que o PIB global encolherá 1,1% em 2020. A quantidade exportada deve cair 56 milhões de toneladas.

Vida Capixaba

Filme sobre o novo coronavírus já está pronto. Veja o trailer!

“Corona” é o nome do longa que será lançado em breve.O filme conta a história de sete pessoas presas em um elevador e uma delas está infectada.

Confira a previsão do tempo para o fim de semana!

O tempo ficará instável neste fim de semana, segundo o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

Semana Santa marcada pela tradicional torta capixaba

A tradicional Torta Capixaba, um dos pratos mais tradicionais da época, será vendida nos estabelecimentos, apesar da crise causada pelo novo coronavírus.

Tempo: o que esperar para abril?

O mês de abril será marcado por temporais, chuvas volumosas e potencial para alagamentos. O mês começa com alerta e situação de perigo para chuvas fortes.
Continua após publicidade