23.3 C
Vitória
domingo, 14 DE julho DE 2024

Parque de irrigação do Espírito Santo é um dos mais tecnificados do Brasil, afirma presidente da Assipes

O presidente da Associação dos Irrigantes do Estado do Espírito Santo (Assipes), Thiago Orletti, diz que uso do sistema de gotejamento com fertilização elevou a produtividade, usando menos água e menos nutriente

Por Kikina Sessa

“Asseguro com toda certeza que o parque de irrigação do Espírito Santo é um dos mais tecnificados do Brasil. E, em relação à produção, em especial do café, o nosso parque é o mais produtivo do mundo. Não há lugar no planeta que se consegue produzir o que se produz no Espírito Santo”, afirma o presidente da Associação dos Irrigantes do Estado do Espírito Santo (Assipes), Thiago Orletti

- Continua após a publicidade -

Segundo Orletti, que é produtor de conilon, o Estado bate recorde de produção por metro quadrado. Em um hectare, que corresponde a 10 mil metros quadrados, no Espírito Santo chega a produzir de 100 a 150 sacas. Em Minas Gerais se produz 50 sacas por hectare. No Vietnã se produz 25 sacas por hectare. Na Indonésia, 10 a 15. Na Colômbia, 45 sacas.

“O tipo de tecnologia que tem no Espírito Santo, em concordância com o tipo genético do conilon, desenvolvido pelo Incaper com um banco genético que vem sendo trabalhado há mais de 30 anos, leva o Espírito Santo para uma posição ímpar em relação ao sistema de irrigação.”

A irrigação, que na década de 1990 utilizava pivô central e canhãozinho (aspersão), hoje vem sendo substituída pelo sistema de gotejamento com fertilização, que combina a necessidade de irrigar com a de nutrir. O uso da tecnologia aliada ao sistema de manejo elevou a produtividade, usando menos água e menos nutriente.

Pesquisador em Recursos Hídricos e Irrigação da Embrapa, Lineu Rodrigues destaca a importância da irrigação para a produção de alimentos frente às mudanças climáticas. “Com as variações do clima e a chuva cada vez mais concentrada, a irrigação se torna uma tecnologia essencial para atingir nossas metas por intensificar a produção e permitir que algumas culturas produzam até cinco vezes mais do que aquelas sem esse processo.”

O pesquisador disse que não será possível alimentar a população brasileira, nem a mundial, sem a irrigação. “Ela é essencial para atender a demanda de alimentos necessária até 2050, que deve aumentar entre 60% e 100%. O Brasil será responsável por 50% desse aumento”.

Recursos hídricos

De acordo com a Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) há no Espírito Santo 98.119 estabelecimentos agropecuários com recursos hídricos (90,83% do Estado), sendo 74,67% da agricultura familiar e 25,33% da agricultura não familiar.
O prazo de vigência de outorga no Estado passou de seis para 10 anos. Os pedidos de solicitação, análise e emissão de portaria de outorga para o uso de águas são realizados de forma 100% on-line no site da Agerh.

O secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli, destaca que as mudanças de outorga visam assegurar mais agilidade, produtividade, eficiência e segurança para os produtores rurais. “A irrigação funciona como um seguro contra os períodos de incerteza hídrica, cada vez mais comuns e sabemos da importância da agricultura irrigada para a sustentabilidade na produção de alimentos e a segurança alimentar, econômica e ambiental do Estado”, comentou.

Outorga de Direito de Uso de Recursos Hídricos

A Outorga é o ato administrativo mediante o qual a Agerh autoriza o direito de uso da água superficial e subterrânea, por prazo determinado, nos termos e condições expressas no respectivo documento. A outorga permite o controle quantitativo e qualitativo dos usos da água, possibilitando uma distribuição mais justa e equilibrada do recurso.

Para solicitar a Outorga de Direito de Uso de Recursos Hídricos, o usuário deve requerer o documento, por meio do preenchimento de formulários técnicos que descrevem o modo como a água é utilizada. Em seguida, um processo é aberto e o pedido é analisado. Hoje, esse trâmite é 100% digital para agricultores ou empresas que utilizam a água para irrigação.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA