26.1 C
Vitória
sexta-feira, 3 abril, 2020

Rodoviários cruzam os braços e ônibus não saem das garagens

Leia Também

Número de casos de covid-19 sobe para 7.910 e mortes chegam a 299

Nas últimas 24 horas, foram 58 novas mortes. O resultado é o maior série histórica. Quanto ao perfil das vítimas, 58% eram homens e 42%, mulheres.

Coronavírus pode reduzir exportações em US$ 18,6 bi, informa CNI

A projeção inicial foi baseada na estimativa de que o PIB global encolherá 1,1% em 2020. A quantidade exportada deve cair 56 milhões de toneladas.

Governadores do Sul e Sudeste cobram ações econômicas à União

Representantes legam queda em suas arrecadações e demandam do Governo Federal uma maior ação pelo fato da maior parte dos tributos serem destinados a União.

Ales: Fundo de Aval em pauta na segunda sessão virtual

Projeto de Lei autoriza o Estado a aportar R$ 100 milhões em Fundo Privado de Aval que será operado pelo Bandes. Outras quatro prostas também serão votadas.

Segundo o Sindirodoviários, trabalhadores de duas empresas fizeram protestos por conta dos salários atrasados

Os capixabas tiveram problemas para chegar em seus destinos nesta terça-feira (27). Isso porque os rodoviários das viações Tabuazeiro e Metropolitana cruzaram os braços e cerca de 140 ônibus não saíram das garagens nesta manhã.

O bloqueio das entradas das empresas foi feito a partir das 3h30 de hoje e os trabalhadores alegam que o protesto é devido ao atraso dos pagamentos e do plano de saúde.

De acordo com o sindicato dos rodoviários, os bairros de Goiabeiras, Maria Ortiz e Tabuazeiro, em Vitória, são os mais afetados. Em Vila Velha, a linha 672 (Terminal de Vila Velha – Setiba, Guarapari) é a que teve mais impacto.

Os ônibus que passam pela avenida Vitória também foram reduzidos. – Foto: Renato Cabrini / Next Editorial

Os coletivos que fazem o trajeto da Avenida Carlos Lindemberg, sentido Centro de Vila Velha, também foram parados. A partir das 7 horas da manhã, os coletivos 514 (Terminal do Ibes – Terminal Vila Velha) também não estavam circulando, causando dificuldades aos passageiros.

Os sindicalistas afirmam que as empresas atrasaram o pagamento da quinzena que deveria ser depositado nesta segunda-feira (20).

*Da redação, com informações do Gazeta Online.

Leia Também:
Publicidade

ES Brasil Digital

ES Brasil 174
Continua após publicidade

Fique por dentro

IPRF: prazo para entrega é prorrogado pelo governo

O prazo para a entrega do IPRF foi alterado para 30 de junho, mas mesmo tendo mais tempo, não deixe para a última hora. Saiba mais!

Inspire-se: aprenda a poupar e a investir com bons livros

Conheça alguns títulos que podem ajudar a você e a sua família a entrar nos eixos Mesmo com tantos bons exemplos nas prateleiras das...

Como proteger os dispositivos e garantir uma navegação segura

No dia em que se comemora o Dia da Internet Segura, especialista em tecnologia dá dicas para evitar violações na rede ao utilizar o...

Ibovespa caminha para pior mês desde 1998

Na tarde de hoje (31), Ibovespa acumulava em março perda de cerca de 28%, que se mantida representará o pior desempenho mensal desde 1998.

Vida Capixaba

Semana Santa marcada pela tradicional torta capixaba

A tradicional Torta Capixaba, um dos pratos mais tradicionais da época, será vendida nos estabelecimentos, apesar da crise causada pelo novo coronavírus.

Tempo: o que esperar para abril?

O mês de abril será marcado por temporais, chuvas volumosas e potencial para alagamentos. O mês começa com alerta e situação de perigo para chuvas fortes.

Camerata Sesi apresenta a live: “Café com Maestro”

Com o tema “Os benefícios da música na educação musical”, o maestro Leonardo David convida a musicista Fabi Cruz para a live nesta quarta (01), às 17h

Livros disponibilizados gratuitamente. Confira como acessar!

A Amazon, em parceria com autores, liberou o acesso às obras mais clássicas da literatura. Basta fazer o download e lê-los onde quiser!
Continua após publicidade