25.5 C
Vitória
sábado, 18 maio, 2024

Palmeiras não venceu nenhum jogo na Arena Barueri em 2024

Ao longo de 2024, time de Abel tem 4 vitórias, 1 empate e 2 derrotas, com um aproveitamento de 61,9% na Arena Barueri

Abel Ferreira não escondeu o incômodo pela equipe ter de mandar jogos na Arena Barueri quando o Allianz Parque está indisponível. Após a derrota por 2 a 0 para o Athletico-PR, pelo Brasileirão, o treinador afirmou que o clube não pode abrir mão de atuar em seu estádio e contar com a força de sua torcida. O público na partida do último domingo mais uma vez foi tímido na segunda casa alviverde, com pouco mais de 12 mil pessoas no local.

A equipe palmeirense ainda não venceu nenhum confronto de Série A na Arena Barueri em 2024, ficando com um aproveitamento de 11,1% no local diante de adversários da primeira divisão. Além do revés para o Athletico, o Palmeiras foi derrotado por 1 a 0 pelo Internacional, e empatou por 2 a 2 com o Corinthians, clássico disputado ainda pelo Paulistão. Em 2023, o time de Abel Ferreira disputou o mesmo número de partidas (3) no estádio pelo Brasileirão, alcançando um aproveitamento de 66,6% ao coincidentemente derrotar Athletico-PR e Internacional – 1 a 0, e 3 a 0, respectivamente – e perder clássico diante do Santos, por 2 a 1.

- Continua após a publicidade -

Ao longo de 2024, o Palmeiras já realizou sete partidas como mandante na Arena Barueri. O time de Abel tem 4 vitórias, 1 empate e 2 derrotas, com um aproveitamento de 61,9%. Foi jogando tendo o Allianz Parque como trunfo, por exemplo, que a equipe alviverde conseguiu reverter o confronto com o Santos na decisão do Paulistão e faturar o tricampeonato Paulista. Curiosamente, os palmeirenses também tiveram a casa como aliada na final do Estadual de 2023, quando golearam o Água Santa, por 4 a 0, depois de perderem na ida, por 2 a 1, na própria Arena Barueri.

A Arena Barueri passou a ser a segunda casa do Palmeiras na reta final do ano passado, quando a WTorre, administradora do estádio, comunicou que o local estaria indisponível em uma série de datas por causa de festivais e apresentações internacionais. Assim, a Crefipar, empresa do Grupo Crefisa, de propriedade de Leila Pereira, presidente do Palmeiras, concorreu à licitação aberta pela Prefeitura para modernização, operação, manutenção e gestão da Arena Barueri – e ganhou.

O valor estimado do contrato, firmado em outubro de 2023, é de R$ 525 milhões. O acordo prevê que a empresa de Leila Pereira ficará responsável pela administração da Arena Barueri por 35 anos. Desde a vitória pela licitação para operar o estádio, o Palmeiras já disputou dez partidas no local. São 6 vitórias, 1 empate e 3 derrotas, com 63,3% de aproveitamento. Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA