23.9 C
Vitória
sexta-feira, 7 agosto, 2020

O passado ensina e o futuro desafia

Mais Artigos

Roleta russa na educação

Em Vitória, a Câmara de Vereadores discute a proibição da volta às aulas nas redes pública e privada, enquanto vigorar o decreto de calamidade pública devido à Covid-19

LAVA JATO: correção de rumos ou ataque frontal?

O tabuleiro da política nacional incorporou no jogo os resultados da Operação Lava Jato, isso é inegável

A reforma tributária no Congresso Nacional

A reforma tributária é dos temas mais complexos a ser abordado pelos parlamentares

Dividendos “isentos” são taxados em 34%

No Brasil, com mais de 60 tributos federais, estaduais e municipais, uma empresa gasta, em média, 62,5 dias ou 1.501 horas ao ano para pagar impostos

Aqui estamos discutindo nosso desempenho Brasil e na maioria das vezes lamentando nossos insucessos do passado/presente e ao mesmo tempo nos colocamos em dúvida em relação ao futuro

A juventude lúcida e inquieta se mobiliza na busca de soluções para o seu caminho e projetos, e entre eles está a porta do aeroporto com destino a países com melhores oportunidades.

Exemplos de superação não faltam, como o caso do Japão no pós guerra quando os gurus da gestão, W.Edwards Deming e Joseph M. Juran trabalharam fortemente no reerguimento do país a partir de uma nova mentalidade gerencial junto aos líderes empresariais japoneses. A questão básica estava no lema “vencer a crise”.

“Podemos dizer que temos uma guerra um tanto diferente do Japão nos anos 50, mas trata-se de uma guerra onde registramos índices baixíssimos na educação, produtividade do trabalho, inovação, produtividade empresarial, competitividade, segurança”

Nossa pergunta básica: Temos uma guerra? Existe uma crise forte e persistente?

Podemos dizer que temos uma guerra um tanto diferente do Japão nos anos 50, mas trata-se de uma guerra onde registramos índices baixíssimos na educação, produtividade do trabalho, inovação, produtividade empresarial, competitividade, segurança…. entre outros indicadores estratégicos. É uma guerra que nos lembra a fábula do “sapo fervido”, ou seja, aquela condição em que as coisas vão piorando, piorando e o povo se acostumando até o momento final quando não há mais saídas.

Nosso propósito nesse artigo é gerar uma nova esperança, ou seja, por pior que sejam as condições sempre há uma saída para um país, uma empresa, uma organização pública e ou uma família que gerencia a vida com olhos voltados para o futuro. Apresentamos a seguir uma receita básica em 14 princípios da gestão e liderança eficaz – Veja o nosso “SAINDO DA CRISE”:

1º: Estabeleça constância de propósitos para a melhoria de tudo que você faz, objetivando tornar-se competitivo e manter-se em atividade.

2º: Adote a nova filosofia. Estamos numa nova era econômica. Acabe com o desperdício que está em todos os lugares. Pare de perder!

3º: Introduza o conceito e prática da qualidade em tudo que você faz e não confie apenas na verificação e inspeção.

4º: Não adquira coisas e serviços apenas pelo preço, considere a importância da qualidade, durabilidade e resultados. Tenha especial cuidado com compras pela internet.

5º: Melhore constantemente tudo aquilo que você ou a organização produz envolvendo e comprometendo todos com a produtividade em tudo que se faz.

6º: Institua a educação e treinamento de forma contínua. Não há saída para a ignorância no mundo moderno.

7º: Institua liderança. O objetivo da liderança deve ser o de ajudar as pessoas executarem um trabalho melhor.

8º: Elimine o medo, de tal forma que todos possam agir e trabalhar de modo eficaz e integrados (sinergia).

9º: Elimine as barreiras entre setores. As pessoas devem trabalhar conectadas e em equipe em todos os sistemas e organizações.

10º: Elimine lemas e exortações que não promovam a qualidade de vida das pessoas e por conseguinte das organizações.

11º: Não confunda produção (números) com a qualidade. São diferentes, porém complementares.

12º: Remova barreiras que privam as pessoas de seu direito de orgulhar-se de seu desempenho. Institua a meritocracia como base para a motivação.

13º: Institua um forte programa de educação e autoaprimoramento. Utilize fortemente os recursos informatizados e aplicativos digitais para facilitar a transmissão de conhecimentos.

14º: Estabeleça novas metas e desafios a partir do compromisso de todos os envolvidos, lembrando que o futuro é construído no presente. Mãos à obra.

Em tempo: Estes princípios foram disseminados no Japão nos anos 50. Será que estão velhos demais para o enfrentamento da nossa “guerra”?


GETULIO APOLINÁRIO FERREIRA é Engenheiro Mecânico, Vice presidente da União Brasileira para a Qualidade e Inovação – UBQI ES, Membro da Academia Brasileira da Qualidade – ABQ, e Superintendente da Fundação Espírito-santense de Tecnologia – FEST. Autor de livros pela Qualitymark Editoria – RJ.

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Balança comercial tem superávit de US$ 8,060 bilhões em julho

O resultado de julho foi mais do que o dobro registrado no mesmo mês do ano passado, quando foi positivo em US$ 2,391 bilhões

Educação é a maior despesa dos municípios capixabas

Levantamento da 26ª edição do anuário Finanças dos Municípios Capixabas, da Aequus Consultoria, publicado em julho de 2020, traz um apanhado detalhado da gestão...

Iluminação de Vila Velha: confira resultado do leilão

O parque de iluminação pública de Vila Velha (ES) será ampliado e modernizado pelo Consórcio SRE – IP Vila Velha, pelos próximos 20 anos.

Dia dos Pais: 47,8% das pessoas comprarão presentes on-line

De acordo com uma pesquisa, 57,6% das pessoas entrevistadas pretendem celebrar o Dia dos Pais; 21,5% ainda estão na dúvida sobre comemorar ou não.

Vida Capixaba

Dia internacional da cerveja: mulheres ganham cada vez mais espaço

Apesar de ainda sofrerem preconceito, mulheres estão cada vez mais conquistando espaço no meio cervejeiro. A data é comemorada sempre na primeira sexta-feira de agosto,...

Curso gratuito de gestão

Empresa de tecnologia lançou o treinamento para formação de gestores com foco ERP devido a carência de bons gestores com capacidade para desenvolver o...

Espaço Baleia Jubarte reaberto

O Projeto Baleia Jubarte e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, junto com o Projeto TAMAR, prepararam um protocolo de segurança específico para o Espaço Baleia Jubarte e Centro de Visitantes

Novas pinturas do Homero Massena são descobertas

Uma equipe que trabalha na reforma e conservação do Museu Homero Massena, teve uma supresa! Por trás de várias camadas de tinta de uma...