26 C
Vitória
quinta-feira, 11 agosto, 2022

Novo programa quer desenvolver potencial do agro no ES

O novo programa vai tratar do mercado de capitais, digitalização, agtechs e ESG voltados para o agro. Foto: Divulgação/Seag

O programa idealizado pelo Ibef vai levar o conhecimento de grandes empresas no mercado financiro para o campo

Por Amanda Amaral

Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento empresarial do agronegócio, o Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (Ibef-ES) lançou este mês um novo programa: o Ibef Agro. Por meio dele, a instituição espera compartilhar a experiência de grandes empresas no mercado financeiro para alavancar o setor no Estado.

A coordenadora do Ibef Agro, Julia Bastos, destacou que o programa vai levar o conhecimento das indústrias para as lideranças do agro capixaba.

“Vamos promover um circuito de imersão em finanças no agro. Serão seis módulos a serem completados em 24hs, tendo aulas de 2hs no máximo e com 20 pessoas em cada turma. O workshop será de curta duração e será 100% online. Vamos tratar sobre mercado de capitais, digitalização e agtechs e ESG voltados para o agro”, afirmou.

O lançamento da iniciativa aconteceu no auditório do Sicoob Leste Capixaba, em Linhares, com a presença de autoridades, investidores e agricultores. “O instituto trabalha com três grandes eixos: produção de conteúdo qualificado, desenvolvimento profissional e relacionamento com o mercado e reconhecimento. Neste sentido, os programas estruturados: Ibef Academy, CFO Connection, University, Social e agora o Agro são formatados para tangibilizar essas entregas”, disse o presidente do Ibef-ES, Paulo Wanick.

Ele complementou: “Além disso, temos os Comitês Qualificados de Conteúdo (CQCs), espécie de linha de produção operacional do IBEF na construção desses conteúdos qualificados. Esses programas são a nossa base para o desenvolvimento técnico-profissional sustentável, cada um em suas áreas de atuação”.

Expertise do mercado financeiro

O diretor do Ibef Agro ES, Flávio Gianordoli, explicou que a instituição vai levar toda a expertise do mercado financeiro para o agronegócio. “O Estado e o País são dependentes do agro e o Ibef com todo o seu know how vai contribuir para desenvolver ainda mais o agronegócio, através de programas exclusivos, fazendo conexões, atuando de perto para que o setor cresça ainda mais”.

O evento de lançamento do Ibef Agro contou com a presença de autoridades, investidores e agricultores. Foto: Divulgação/Ibef

O diretor do Ibef Agro Campinas e diretor da Deloitte, Adilson Martins, apresentou a experiência do programa em São Paulo.

“Cresci no agro e ter uma oportunidade dessa é um orgulho. O Ibef Agro Campinas foi criado para contribuir com o desenvolvimento empresarial do agro, promovendo qualificação profissional. Em Campinas temos o programa de coach, buscamos aproximação com meio acadêmico, fazemos parcerias estratégicas com hubs de inovação e vamos realizar eventos”.

Tecnologias digitais 

Na ocasião, foi realizado o painel “Tecnologias Digitais, Agtechs e a Nova Onda de Inovação e Investimentos no Campo Brasileiro”, que contou com a participação da head de Agronegócio da KPTL, Mariana Caetano, do head de Agronegócio da EloGroup. Octaciano Neto. A mediação foi de Vitor Alves, da NA Agropecuária.

“Nós ainda estamos caminhando para melhorar nossa forma de comunicar o que somos e fazemos. Precisamos demonstrar que o agro brasileiro é imbatível. Além disso, hoje, quem manda é o consumidor, o que ele pede a gente tem de entender e se adaptar”, comentou Mariana Caetano.

Já Octaciano frisou que no agro quem deu certo foram aqueles que usaram a mecanização, a química e a biologia. “O futuro do agro agora, depende da combinação do velho paradigma, que une biologia, química e mecanização, com digitalização, agenda ESG e mercado de capitais”, disse.

Com informações do Ibef-ES. 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade