Neymar é acusado de estupro por mulher de 26 anos

Foto: Reprodução

O jogador nega as acusações e se defendeu em um vídeo publicado em suas mídias sociais

O atacante Neymar Junior foi acusado por uma moça de 26 anos de estupro, por meio de uma denúncia feita na última sexta-feira (31). Aos veículos de comunicação, o jogador negou o crime.

Em vídeo publicado nas mídias sociais, o atacante negou novamente as acusações de estupro e expôs o conteúdo das conversas que tinha com a moça, que não teve a identidade revelada por segurança.

A jovem afirma que o crime teria ocorrido em um hotel, em Paris, cidade em que Neymar mora. Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, que divulgou parte do depoimento, Neymar “forneceu as passagens e hospedagem”.

O depoimento diz ainda que ela havia desembarcado “no dia 15 de maio” e que, “na mesma data, Neymar chegou por volta das oito da noite da noite ao hotel, aparentemente embriagado”.

Além disso, parte do depoimento também diz que os dois “trocaram carícias, porém, em determinado momento, Neymar se tornou agressivo” e “praticou relação sexual contra a vontade dela”. Ainda para a polícia, ela disse que “estava abalada emocionalmente e com medo de registrar os fatos em outro país.”

No vídeo divulgado pelo atacante, a relação foi consentida e que não havia motivos para que escondesse algo. Confira o vídeo de Neymar!

Vídeo apagado

Após a exibição do teor das conversas, o jogador Neymar apagou o vídeo do Instagram. A Polícia Civil começou uma investigação, após a moça ter entregue um dossiê com mais imagens e mensagens que não constavam no boletim de ocorrência.

No vídeo, ele afirma que continua sendo vítima de “extorsão” e que foi induzido e que caiu em uma “armadilha”.

Conteúdo Publicitário