28.8 C
Vitória
terça-feira, 23 abril, 2024

Multinacional Hörmam comemora crescimento apesar da crise mundial

Multinacional Hörmam comemora crescimento apesar da crise mundialCom planos de expansão no Brasil, a Hörmann, de origem alemã, com mais de 50 filiais próprias e inúmeros representantes comerciais em mais de 30 países, comemora o crescimento do faturamento mundial em cerca de 1,3 bilhões de euros em 2011. “A crise dos países europeus não influenciou no faturamento da empresa que continua em desenvolvimento, prosseguirá investindo, não tem planos de demissão, pretende continuar contratando e abrindo novas fábricas, novas filiais pelo mundo.”, destaca Flávio Pinto, diretor da filial brasileira.
A Hörmann chegou ao Brasil há apenas dois anos, que foram considerados como primordiais para o conhecimento do mercado e a aceitação dos produtos importados. “Só para obtermos a licença de importação definitiva, levamos seis meses e, por isso, o faturamento nacional da empresa é considerado baixo, cerca de R$ 3 milhões de reais no ano passado. Porém, agora, finalmente estabelecidos e mais cientes do mercado nacional de produtos para áreas industriais e também residenciais, entraremos com mais afinco nos projetos e negócios nacionais.”, conta ele.
Segundo ele, o próprio consumidor precisou de tempo para conhecer o produto feito sob normas européias com padrão de qualidade diferenciado, conforto térmico e acústico muito maior, e aceitar pagar valores considerados um pouco diferentes dos fabricantes nacionais e demais concorrentes. “Eles precisaram entender que em alguns casos o salto no valor se equipara também à transposição de qualidade de produto. Depois de muitas pesquisas, agora sabemos quem é o cliente, qual produto oferecer, qual o nível de preço, como abordar, o que o mercado colhe como sendo bom e, por isso, podemos considerar que praticamente começamos neste ano. A princípio, o mercado industrial, que está bastante aquecido, se sobrepõe ao residencial. Porém, ainda em 2012, entraremos com tudo nas residências também, através de revendedoras especializadas por região.”, explica Flávio.
Com uma equipe forte e sem nenhuma restrição de importações, a empresa alemã já participa de grandes projetos de estádios, centros logísticos, empresas dos ramos alimentícios como Bauducco, farmacêuticas como Johnson & Johnson e Pfizer, automotivos como Delphi e Hyundai, tecnológico como Siemens e Bosch, entre outros, que têm dado preferência a quatro linhas de produtos, que são a Porta Seccional, Porta de Enrolar, Porta Rápida e Nivelador de Carga. “Temos como alvo mudar a cultura dos arquitetos do ramo industrial, pois alguns ainda pensam em um projeto de porta artesanal, desenhado por eles e feito por um serralheiro, sem imaginar que já há no mercado um produto de qualidade que se encaixa em sua obra, basta escolher em um catálogo. Por isso, a nossa equipe está focada no atendimento. Primeiro, um engenheiro verifica pessoalmente o projeto onde o produto poderá ser instalado, fiscaliza tudo e depois segue a equipe de instalação.”, detalha o diretor da Hörmann Brasil.
No próximo mês, a empresa terá nova instalação em São Paulo com espaço maior para armazenamento e montagem de produtos. “Em 2012 queremos colher os frutos de tudo que foi plantado nos dois anos de adaptação ao Brasil e, para o futuro, pode se concretizar o plano de uma fábrica local.”, finaliza Flávio Pinto.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA