Inscrições abertas para mulheres no 26º Festival de Cinema de Vitória

Crédito: Sergio Cardoso

O trabalho das realizadoras também será valorizado no tradicional festival que acontece todos os anos no Espírito Santo

Há quatro anos o Festival de Cinema de Vitória premia o trabalho de realizadoras por meio da Mostra Mulheres no Cinema, e em 2019 não poderia ser diferente. Além de exibir produções que abordem questões de gênero, empoderamento e igualdade de direitos, a 4ª edição da mostra também trará um debate sobre o tema, proporcionando intercâmbio de conhecimento a respeito da atuação da mulher no mercado audiovisual.

Neste ano, a comissão de seleção da mostra é composta por três mulheres realizadoras e formadoras de opinião no cinema capixaba, Sáskia Sá, Bárbara Casé e Hegli Lotério.

Coordenadora da comissão e uma das cineastas responsáveis pela criação da mostra, Sáskia conta que a janela é essencial para mostrar filmes com características e discursos audiovisuais específicos, que merecem ser debatidos.

“Privilegiamos temas que são importantes para as mulheres, como questões da mulher negra, lesbofobia, aborto, mulheres trans e violência contra a mulher, em filmes dirigidos e roteirizados por mulheres, de preferência com protagonistas mulheres. Queremos mostrar diferentes olhares femininos de todo o país sobre as questões que são importantes para nós”, explica Sáskia Sá.

Pesquisa

No ano de lançamento da mostra, em 2016, a Agência Nacional do Cinema (Ancine) divulgou uma pesquisa sobre a participação feminina na produção audiovisual brasileira. Os números mostravam que ainda há uma distância significativa entre a participação de homens e mulheres em posições de liderança no cinema, principalmente quando se fala em direção.

Fonte: Festival de Cinema de Vitória.

Segundo a pesquisa, naquele ano, apenas 17% dos 2.583 títulos com Certificado de Produto Brasileiro (CPB) foram dirigidos por mulheres. Roteiro e Direção de Fotografia são outras áreas predominantemente masculinas, com 21% e 8% de mulheres nos cargos de liderança, respectivamente. Larissa Delbone, produtora executiva do Festival de Cinema de Vitória, conta que a mostra surgiu espontaneamente, diante da grande quantidade de inscrições de filmes relevantes realizados por mulheres.

“É mais comum ver mulheres em posições de produção, seguindo essa lógica de que a mulher é mais organizada, matriarcal. Mas, nos últimos anos, começamos a perceber um crescimento no número de filmes dirigidos por mulheres, e vimos a necessidade de ter uma mostra para dialogar e ocupar esse espaço, tão injustamente dominado pelos homens”, destaca.

Mulheres no Festival de Vitória

Nos últimos três anos, 572 mulheres inscreveram seus filmes do Festival de Cinema de Vitória, sendo que, dos 117 filmes selecionados para exibição nas mostras competitivas, 29 foram premiados.

Para discutir esses números, além da exibição dos filmes selecionados a mostra também conta com um momento de debate sobre as obras exibidas, a atuação da mulher no mercado cinematográfico e as possibilidades de trabalho no audiovisual.

A 4ª Mostra Mulheres no Cinema acontece no dia 28 de Setembro (sábado), no Centro Cultural Sesc Glória, e faz parte da programação do 26º Festival de Cinema de Vitória, que será realizado entre os dias 24 e 29 de setembro.

O 26º Festival de Cinema de Vitória tem o patrocínio do Ministério da Cidadania, através da Lei de Incentivo à Cultura, da ArcelorMittal, do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – BRDE, do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA e da Ancine. Conta ainda com apoio da Rede Gazeta e da Prefeitura Municipal de Vitória. A realização é da Galpão Produções e do Instituto Brasil de Cultura e Arte (IBCA).

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!