20.6 C
Vitória
sábado, 19 junho, 2021

Mais de 23 mil doses da Pfizer para reforçar imunização no ES

Chegam nesta segunda-feira (10) 23.400 doses da vacina Pfizer para reforçar a imunização no Estado. O anúncio foi feito pelo governador Renato Casagrande em suas redes sociais

O Ministério da Saúde informou que vai distribuir aos estados a partir de hoje (10) 1,12 milhão de doses da Pfizer, que devem ser utilizadas para a primeira dose em pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas, e pessoas com deficiência.

O estado também aguarda a chegada de novas doses da Coronavac, mas o Ministério da Saúde ainda não informou a quantidade de doses para essa nova remessa, de acordo com o secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes, durante anúncio na tarde de hoje. Lembrando que no último sábado (8) chagaram 20 mil doses do imunizante Coronavac.

Nésio Fernandes lembrou que o estado tem se destacado na cobertura vacinal, na comparação com outros lugares do Brasil, e que a expectativa é que até junho 100% da população idosa deve estar imunizada com uma dose da Astrazeneca ou com duas doses da vacina Coronavac.

Variante de Manaus

A Secretaria de Saúde (Sesa) disse que já foi detectada a transmissão comunitária da variante P1 de Manaus. A cepa, de acordo com o secretário Nésio Fernandes, preocupa principalmente pelos riscos que pode trazer para a população mais jovem.

“Nós já identificamos a transmissão comunitária da variante P1 dentro do nosso Estado em estudos feitos pela rede privada e também pelo Laboratório Central”, afirmou.

Aulas presenciais

Nésio Fernandes comentou a autorização dada pelo Governo do Estado para o retorno das aulas presenciais para a Educação Infantil e Ensino Fundamental I mesmo nos municípios classificados com risco alto para a contaminação por coronavírus.

“[o retorno às aulas presenciais] não é uma obrigação, é uma autorização. Não há razões sanitárias para que a totalidade das escolas no Espírito Santo estejam fechadas neste momento”, afirmou.

Disse, ainda, que o Ministério Público do Espírito Santo deve fiscalizar os gestores municipais que optarem por manter as escolas fechadas para que apresentem justificativas robustas para subsidiar essa decisão.

Reversão de leitos

No anúncio na tarde desta segunda, o secretário também disse que o Estado já iniciou no último fim de semana a reversão de leitos destinados a pacientes com Covid-19 e que essa reversão é segura e oportuna pois há grande oferta de leitos, crescente demanda por pacientes de outras necessidades e também para possibilitar o retorno de cirurgias eletivas não essenciais.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade