26 C
Vitória
quinta-feira, 11 agosto, 2022

Justiça suspende leilão do Clube Iate Siribeira, em Guarapari

esbrasil-clube-iate-siribeira-guarapri
O Clube Iate Siribeira, em Guarapari, completou 75 anos em maio de 2022 - Foto: Tudo Mara

De acordo com o edital da empresa leiloeira, o valor estimado do Clube Iate Siribeira é de cerca de R$24 milhões

Por Wesley Ribeiro 

O Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo (TJ-ES) decidiu a favor do Siribeira Iate Clube, em Guarapari, na noite desta quarta-feira, 06 de julho de 2022, e suspendeu o leilão da área do clube que estava previsto para a manhã da última terça-feira.

Segundo a decisão, o leilão poderia gerar problemas pela diferença de cálculo de mais de 340% no valor venal, que é uma estimativa de preço de venda, do imóvel e do valor comercial dele.

“Não desconheço que o valor venal do bem e o valor comercial do imóvel são calculados de forma distinta, contudo, percebo que uma diferença que atinge 344,52% (trezentos e quarenta e quatro inteiros e cinquenta e dois centésimos por cento), como diz o recorrente, ao menos, exige cautela por parte do Julgador, a fim de que seja suspensa a hasta pública até a correta apuração da base de cálculo do imposto cobrado”, diz o documento.

“Veja-se que a discrepância dos valores impõe um dever de cuidado por parte do Magistrado, evitando-se, com isto, prejuízo para ambas as partes. Vale dizer, permitir que a hasta pública seja realizada quando ainda há dúvida acerca da base de cálculo do imposto cobrado, certamente causará um transtorno incontornável ao processo matriz, pois o imóvel poderá ser adquirido por terceiro e, acaso reconhecida a excessividade da cobrança do imposto, deverá ser desfeito o auto de arrematação e todos os atos expropriatórios do feito executivo”, diz outro trecho da sentença

Entenda o caso

Na semana passada, o Siribeira Iate Clube, localizado na península que divide as praias de Areia Preta e das Castanheiras, no Centro de Guarapari, e fundado em fevereiro de 1947, foi colocado a leilão tendo como justificativa o não pagamento de impostos para a administração municipal.

De acordo com o edital da empresa leiloeira, o valor estimado do negócio é de cerca de R$24 milhões e o lance mínimo é de aproximadamente R$14 milhões.

No entanto, a defesa do Clube alegou que há uma cobrança indevida do imposto, um erro de avaliação no lançamento que constata uma diferença de mais de R$ 344% nos valores, e por isso conseguiram a suspensão do leilão.

Até o fechamento desta edição, ainda não havíamos recebido um retorno da Prefeitura Municipal de Guarapari.

 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade