Interdição da ciclovia da ponte de Camburi a partir desta quinta (6)

Ciclovia e passarela da Ponte de Camburi, no sentido Praia do Canto-Jardim da Penha, serão interditadas para obras (Fotografia - Divulgação/PMV)

Execução dos Serviços para recuperação nas vigas inferiores e reforço estrutural da ciclovia da ponte de Camburi

A passarela de pedestres e a ciclovia da Ponte de Camburi, no sentido Praia do Canto/Jardim da Penha, serão interditadas a partir desta quinta-feira (6) para obras de manutenção. A travessia continua liberada para pedestres e ciclistas na passarela oposta. Em nenhum momento da obra haverá interferência no trânsito de veículos.

Para fazer a travessia segura e acessar a passarela do outro lado da via, pedestres e ciclistas deverão seguir as orientações das placas indicativas instaladas nas duas faixas de pedestres mais próximas da ponte, que apontam o caminho obrigatório.

Uma delas fica na esquina da rua João da Cruz, na Praia do Canto, local onde deverão atravessar para a calçada dos prédios e seguir pela outra passarela até Jardim da Penha, retornando ao calçadão de Camburi na faixa de pedestres em frente a uma loja de bicicletas na altura do primeiro bolsão de estacionamento.

Obras

Esta é a terceira etapa das obras de manutenção da ciclovia e das estruturas da ponte. A manutenção foi iniciada pelo guarda-corpo da passarela de pedestres. Em seguida, teve início a recuperação da estrutura metálica. Na quinta-feira (6), começa a recuperação do piso da passarela.

A obra tem caráter preventivo. Estão sendo feitos o tratamento do aço da estrutura, a recuperação de concreto e do piso da passarela, a instalação de novas placas de concreto e estrutura metálica, além da restauração e da substituição do guarda-corpo.

A Secretaria Municipal de Obras e Habitação (Semohab) é responsável pela execução das intervenções, que foram licitadas por R$ 641.817,79, com prazo de conclusão de seis meses.

O que está sendo feito

A infraestrutura da ponte está saudável e não apresenta necessidade de manutenção em seus tubulões (colunas de sustentação da ponte fixadas no fundo do canal) e blocos de concreto onde o tabuleiro é apoiado.

Na parte inferior do tabuleiro da ponte (estrutura de concreto por onde circulam os veículos), há necessidade de manutenção da estrutura com o jateamento de concreto nas áreas onde ferragens estão expostas.

Na estrutura metálica utilizada como ciclovia, foi apontada a necessidade de substituição de peças metálicas e troca de algumas placas de concreto que formam o piso.


LEIA TAMBÉM
Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!