Democratas anunciam processo de impeachment contra Trump

Foto: Washington Monthly

O partido dos democratas anunciou a abertura do processo de impeachment do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nessa terça-feira (24)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não está sendo muito quisto pela sociedade parlamentar do país. Nessa terça-feira (24), representantes do país iniciaram o processo de impeachment do representante do povo norte-americano.

Segundo a porta-voz da Câmara de Representantes do país (casa legislativa semelhante à Câmara dos Deputados no Brasil), Nancy Pelosi, a motivação foi a negativa de Trump em fornecer informações ao Congresso sobre uma conversa com o presidente da Ucrânia, Volodimir Zelensky.

Vale destacar que o Congresso investiga se Trump solicitou ao representante ucraniano a adoção de medidas para prejudicar os concorrentes e beneficiá-lo politicamente. O presidente norte-americano é suspeito de investigar o ex-vice-presidente democrata Joe Biden e seu filho.

“O presidente deve saber que ninguém está acima da Lei”, destacou Nancy, lembrando que o Congresso possui poder de, em situações mais extremas, usar suas prerrogativas para retirar o presidente do poder.

Nancy alega, ainda, que orientou democratas no comando de comissões na Câmara de Representantes já investigando irregularidades no Executivo Federal dos Estados Unidos a continuar com as apurações no âmbito do inquérito de impeachment. Atualmente, a Câmara possui a maior parte de democratas e o Senado é formado em sua maioria por republicanos, partido de Trump.

Por meio de sua conta no Twitter, o presidente norte-americano se manifestou e disse que  a decisão do partido democrata é uma “caça às bruxas” e “assédio presidencial”.

Conteúdo Publicitário